Image Map
Image Map
Image Map

sábado, 23 de março de 2019

Dirigente do ASA fala sobre as mudanças no elenco para a disputa da Série D

Tv GAZETA
Depois de iniciar uma reformulação no elenco para a disputa da Série D do Brasileiro, o ASA ainda não confirmou nenhum nome para recompor o grupo. Ao todo, 17 jogadores foram liberados e a tendência é pela montagem de um novo plantel.

Vice-presidente do Alvinegro, Celso Marcos disse que as medidas após a campanha ruim no Alagoano eram necessárias.

- O início do campeonato não foi com nós imaginávamos e os resultados não apareceram. É lógico que para essa situação exige medidas enérgicas, até porque nós temos que reformular porque vem o último campeonato que vamos disputar neste ano (a Série D) e, pra isso, tem que ter uma outra roupagem... Já nos reunimos com a comissão técnica, com a diretoria, fizemos várias situações do que estava correto e do que precisava mudar. E dentro daquilo que ficou definido entre todos foram as liberações e agora no mercado fazendo buscas e indicações de jogadores que possam ajudar o ASA a fazer uma grande campanha na Série D - disse o dirigente.

Sobre as finanças do clube, o dirigente citou que a preocupação ainda existe, mas alguns contratos trouxeram um alívio para o trabalho desta temporada.

- Mediante à ajuda da prefeitura e dos nosso patrocinadores, nós temos problemas financeiros, mas estamos bem mais tranquilos do que quando nós começamos. Quando começamos, nós não tínhamos certeza de praticamente nada, mas agora já existem algumas situações estabelecidas e já podemos trabalhar com um valor médio que podemos utilizar.

Os jogadores que deixaram o ASA após a eliminação do Campeonato Alagoano foram: Betinho, Ciel, Dakson, Geovani, Léo Campos, Marrone, Romário, Jadson, Rafael, Hugo, Janderson, Willames José, Henrique, Maycon, Cal, André Nunes e Matheus Gutz.

NM com Globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário