Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Bahia x CRB: tudo o que você precisa saber sobre a rodada de estreia do "Galo Praiano" na temporada 2019

FOTO: DOUGLAS ARAÚJO / ASCOM CRB
A temporada 2019 começa, oficialmente, nesta quarta-feira para o CRB. A equipe regatiana vai estrear na Copa do Nordeste, fora de casa, contra o Bahia. O jogo na Arena Fonte Nova, em Salvador, está marcado para as 20h30 (de Alagoas).

 — Foto: Infografia
CRB - Técnico Roberto Fernandes

O Galo passou por uma grande reformulação no elenco e a curta pré-temporada serviu para o técnico Roberto Fernandes entrosar os jogadores. A falta de entrosamento e a parte física serão os maiores desafios do time neste começo de temporada.

Durante a fase de preparação, o CRB disputou apenas um jogo-treino, contra o Flamengo de Arcoverde, e empatou no Ninho do Galo, por 1 a 1. O teste serviu para o treinador observar o elenco e definir a base do time que começa o Nordestão. Recém-contratados, os atacantes Zé Carlos e Mailson ainda não foram regularizados. Os dois também trabalham para aprimorar a parte física.

A tendência é que o CRB comece a partida contra o Bahia com a seguinte formação: Edson Marddem; Júnior, Wellington Carvalho, Edson Henrique e Igor; Claudinei, Ferrugem, Polaco e Felipe Menezes, Hugo Sanches e Victor Rangel.

Bahia - Técnico Enderson Moreira

O técnico Enderson Moreira já antecipou que vai utilizar a base do time que terminou a temporada passada. Para a estreia no Nordestão, o treinador vai ter quase todos os jogadores contratados à disposição. Guilherme, Rogério, Artur, Matheus e Iago estão regularizados. A exceção, até o momento, é do zagueiro Ernando, anunciado pelo Tricolor nessa terça.

Assim, a provável escalação do Bahia para enfrentar o CRB tem: Douglas; Nino, Lucas, Tiago e Paulinho; Gregore e Elton; Guilherme, Arthur e Élber; Gilberto.

Regulamento

O Galo está no Grupo A do Nordestão, ao lado de Altos, Fortaleza, Salgueiro, Sampaio Corrêa, Santa Cruz, Sergipe e Vitória. Na primeira fase, os times de um grupo jogam contra os do outro. Os quatro melhores de cada chave avançam para a próxima fase do Nordestão.

 — Foto: infoesporte

Apita o jogo o árbitro maranhense José Henrique de Azevedo Júnior, auxiliado por Antônio Fernando de Sousa Santos e Antônio Adriano de Oliveira.

NM com globoesporte.com/al

Diante do seu torcedor na estreia da temporada 2019 o CSA só empatou com o Vitória na Copa do Nordeste

CSA x Vitória (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)
O CSA iniciou a sua trajetória oficial na temporada de 2019 com um empate por 1 a 1, em jogo disputado na noite desta terça-feira (15), contra o Vitória-BA, na estreia pela Copa do Nordeste. A partida foi realizada no Estádio Rei Pelé. Os gols - ambos assinalados no segundo tempo - foram marcados por Patrick Fabiano, para o CSA, e Nickson, empatando para o Vitória. O Azulão teve o goleiro João Carlos como o destaque do jogo, pois efetuou grandes defesas, impedindo o time baiano de até ter ampliado o placar. 
Na segunda rodada do Nordestão, o CSA vai enfrentar o Fortaleza, mas apenas no dia 27 deste mês, às 17 horas, no Castelão, em Fortaleza-CE. Já o Vitória vai encarar o Moto Club, no dia 19, às 16 horas, no Barradão, em Salvador-BA.
Como foi
O CSA começou mais organizado o jogo, tentando surpreender na base da velocidade. Além disso, o time tinha mais posse de bola, mas ainda sentia um pouco este início de temporada. 
O primeiro momento de perigo para o CSA aconteceu aos 12 minutos, quando Mateus lançou Luan Silva, que driblou o marcador, invadiu a área e tocou para Eron. Quase na pequena área, Eron finalizou de primeira, mas o chute foi fraco e João Carlos fez a defesa.
A partir daí foi o Vitória quem passou a tomar conta do jogo e a chegar com perigo ao gol de João Carlos. Mas o CSA teve uma boa chance aos 21 minutos. Matheus Savio recebeu com liberdade no meio, tentou abertura de jogo com Didira, mas errou o passe, deixando a torcida do Azulão na bronca.
O time baiano seguia dando trabalho ao CSA pelo lado esquerdo do campo e foi quem teve a melhor chance da partida, até essa etapa do 1o tempo. Aos 23 minutos, Nickson, em posição irregular, aproveitou sobra de bola na entrada da área azulina e finalizou rasteiro, mas viu a redonda passar à direita de João Carlos e ir para fora. O Azulão chegou de novo aos 25 minutos. Celsinho fez uma linda jogada pela direita, cortou Mateus, já dentro da área, e tocou para trás. Matheus Sávio finalizou de primeira, mas a bola foi por cima do gol de Caíque. O torcedor azulino começou a ficar animado com esse lance do CSA e começou a empurrar o time.
CSA x Vitória (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)
Aos 29 minutos, de novo o Azulão chegou. Matheus Sávio dominou na ponta direita e cruzou na área para Patrick, que finalizou de cabeça e viu a bola passar raspando a trave esquerda do gol de Caíque. Aos 35 minutos, foi o Leão quem chegou. Luan Silva ajeitou para Mateus, que levantou a bola na área e Rony fez o corte de cabeça. 
A essa altura, o jogo passou a ficar mais equilibrado e eletrizante. Aos 39 minutos, após cobrança de escanteio, Amaral recuperou a bola e serviu a Celsinho, que armou o contra-ataque e avançou pelo meio, chegou à área baiana, mas cruzou fraco e Caíque afastou de soco. 
O 1º tempo foi até os 45 minutos. O árbitro não deu nenhum minuto de acréscimo e a partida ficou mesmo no empate sem gols.
A partida começou bastante equilibrada no segundo tempo. E quem chegou primeiro foi o Rubro-Negro. Aos 5 minutos, Luan Ferreira dominou no meio e tocou para Cedric, que bateu na entrada da área do CSA e a bola passou perto do gol de João Carlos. O Azulão respondeu aos 7 minutos. Matheus Sávio levantou no segundo pau, Régis ajeitou de cabeça e Patrick Fabiano pegou de primeira. Mas a bola foi na trave esquerda de Caíque e o Azulão desperdiçou a chance de abrir o placar.
Se não abriu o placar aos 7 minutos, o CSA conseguiu fazê-lo aos 9 minutos. Matheus Sávio soltou uma pancada de direita, a bola explodiu no travessão e, no rebote, Patrick Fabiano só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes: 1 a 0.
A partida seguia equilibrada e o Vitória respondeu com perigo aos 12 minutos. Jhemerson invadiu a área do CSA, tocou para trás, Eron dividiu na pequena área e obrigou o goleiro João Carlos a fazer uma grande defesa, evitando o que poderia ser o gol de empate dos baianos. O jogo era cá e lá. E aos 19 minutos o Vitória apareceu com Luan Ferreira, que se livrou dos marcadores pelo meio, encontrou Cedric e ele cruzou com perigo da ponta direita, mas o atacante Eron não conseguiu o desvio.
O CSA quase fez o segundo gol aos 22 minutos, quando Matheus Sávio bateu fechado e com muito veneno, mas Caíque espalmou a bola na pequena área, livrando o perigo para o time baiano. O Vitória teve dois bons momentos seguidos, aos 27 e aos 28 minutos. Na primeira, Eron e Nickson se jogaram na bola, mas não conseguiram alcançar. E na segunda, Luan Ferreira fez enfiada de bola para Nickson, que saiu na cara do gol. O meia tentou o chute rasteiro e João Carlos fez mais uma grande defesa no jogo. 
CSA x Vitória (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)
E, de tanto insistir, o Vitória chegou ao gol de empate, cobrando pênalti. Mateus fez o cruzamento na área, a bola bateu na mão de Rony e o árbitro assinalou o lance. Nickson bateu no canto esquerdo, deslocando João Carlos e empatando a partida no Rei Pelé: 1 a 1. 
O jogo ia se encaminhando para o final, as duas equipes ainda tentaram chegar ao gol da vitória, mas sem sucesso. O árbitro deu mais cinco minutos de acréscimos e nenhum dos dois times conseguiram balançar a rede de novo. Como já não havia tempo para mais nada, o placar final ficou mesmo no empate de 1 a 1.
CSA - João Carlos; Celsinho, Rony, Luciano Castán e Pedro Rosa; Dawhan, Amaral, Matheus Sávio (Ramon Siqueira) e Régis (Jhon Cley); Didira e Patrick Fabiano (Lohan). Técnico: Marcelo Cabo.
Vitória - Caíque; Cedric, Gabriel, Bruno Bispo e Mateus (Jorginho); Hebert, Jhemerson, Nickson e Luan; Luan Ferreira (Matheus Farinha) e Eron (Cleber). Técnico: João Burse.
NM com Fernanda Medeiros

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

CBF altera data do clássico CSA x CRB válido pela Copa do Nordeste

FOTO: AILTON CRUZ
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) enviou comunicado à Federação Alagoana de Futebol (FAF) sobre as modificações em três jogos da Copa do Nordeste 2019. Uma delas é a mudança na data do Clássico das Multidões, entre CSA e CRB, válido pela 5ª rodada do Nordestão.
A partida estava marcada, anteriormente, para a quarta-feira, dia 6 de março, e passou para a quinta-feira, dia 7. Seria disputada às 20h30, mas o horário também foi mudado e agora será às 21h30, no Estádio Rei Pelé.
O objetivo da mudança é para atender a uma recomendação da Polícia Militar do Estado de Alagoas (PM-AL), no sentido de não programar o clássico estadual justamente para a Quarta-feira de Cinzas (dia 6), por conta de o efetivo policial ainda estar alocado para fazer a segurança do carnaval.
Outras mudanças
Antes desse duelo, porém, outro teve a data alterada pela CBF. O jogo CSA x Salgueiro, válido pela 4ª rodada do Nordestão, que seria disputado no sábado, dia 16 de fevereiro, passou para o domingo, dia 17. O horário continua o mesmo: às 18h30 (de Alagoas). 
E a terceira modificação de datas promovida pela Confederação foi da partida Santa Cruz x CSA, pela 6ª rodada do Nordestão. Antes programada para o sábado, dia 9 de março, às 18 horas, agora será no domingo, dia 10, às 17 horas, no Arruda, em Recife-PE.
Estes dois últimos ajustes, segundo a CBF, visam atender à grade de programação da emissora detentora dos direitos de transmissão da Copa do Nordeste.
NM com Fernanda Medeiros

ASA regulariza Ciel e Williames José para estreia no Campeonato Alagoano

O ASA regularizou mais dois atletas nesta terça-feira (15) no Boletim Informativo Diário da CBF (BID),visando à estreia no Campeonato Alagoano, que acontece neste fim de semana. São eles: Williames José e Dida. O meia Jociel Ferreira da Silva e o zagueiro Williames José da Silva ganharam condição de jogo e estão à disposição do treinador Allan Dotti.
A equipe alvinegra já havia regularizado o zagueiro Marrone e o atacante Jó Boy. O clube conta agora com quatro regularizações e terá que correr contra o tempo para inserir os outros atletas no Boletim Informativo Diário (BID).
O Fantasma treinou na tarde desta terça (15), no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, visando à partida deste domingo (20), e a novidade foi a ausência do goleiro Dida, que está acertando sua saída do clube. O provável substituto será o goleiro Matheus Gutz.
NM com Jean Nascimento

CSA inicia temporada nesta terça, contra o Vitória, na estreia pelo Nordestão

FOTO: AILTON CRUZ/
O CSA inicia a sua trajetória oficial na temporada de 2019 nesta terça-feira (15), quando entrará em campo a partir das 21h30 (de Alagoas), para enfrentar o Vitória-BA, na estreia pela Copa do Nordeste. A partida será disputada no Estádio Rei Pelé.
O time azulino realizou um amistoso preparatório visando ao início da temporada, mais precisamente à estreia no Nordestão. O jogo foi contra o Central de Caruaru-PE, no último sábado, no Rei Pelé, e o Azulão venceu por 2 a 1. 
O técnico Marcelo Cabo considerou satisfatório o amistoso, mas afirmou que o time  ainda precisa de alguns ajustes. Durante a preparação, o treinador marujo conseguiu fazer um desenho da equipe titular. Inclusive, essa formação desenhada por Cabo e que iniciou o amistoso contra o Central é a que ele mandará a campo na noite desta terça-feira. 
Ou seja, o Azulão entrará em campo hoje com: João Carlos; Celsinho, Rony, Luciano Castán e Pedro Rosa; Dawhan, Amaral, Matheus Sávio e Régis; Didira e Patrick Fabiano.
O CSA fez 17 contratações. Do time titular da temporada passada, apensas três atletas são remanescentes: Celsinho, Dawhan e Didira.
Grupos
Na Copa do Nordeste 2019, o CSA está no Grupo B, com os seguintes clubes: ABC-RN, Bahia, Botafogo-PB, Ceará, Confiança-SE, Moto Club-MA e Náutico-PE. Já o Vitória integra o Grupo A, com Altos-PI, CRB, Fortaleza, Salgueiro-PE, Sampaio Corrêa-MA, Santa Cruz-PE e Sergipe. 


Serão apenas jogos de ida nesta primeira fase (de grupos), com as equipes do Grupo A enfrentando as do Grupo B. Esta fase de grupos termina no dia 30 de março. Já a grande final da Copa do Nordeste está prevista para o dia 29 de maio. 
NM com Fernanda Medeiros

+ VISTAS