Image Map
Image Map
Image Map

sábado, 29 de abril de 2017

CRB e CSA têm quatro jogadores pendurados para a finalíssima do AL

FOTO:AILTON CRUZ
CSA e CRB têm uma preocupação a mais para a decisão do Campeonato Alagoano. No Azulão, quatro jogadores estão com dois cartões amarelos e podem desfalcar o time para a segunda partida da final. A lista de pendurados do Galo também tem quatro jogadores. Domingo, os times fazem o primeiro jogo e a finalíssima será no dia 7 de maio.
Na relação do CRB, três jogadores são titulares: o lateral Marcos Martins, o zagueiro Flávio Boaventura e o atacante Mailson. O meia Sérgio Mota completa a lista. Com lesão, o jogador não entra em campo desde o dia 11 de março, contra o CSA, pela Copa do Nordeste. Ele ficou três jogos entre os reservas depois desse clássico quando sentiu lesão na coxa e não jogou mais.

Os zagueiros Matheus e Thales, o volante Everton Heleno e o meia Didira são os pendurados do CSA. O primeiro não é reserva imediato na defesa e tem quatro jogos na temporada, enquanto os outros três são peças importantes para o técnico Oliveira Canindé. O meia Thiago Potiguar também tem dois cartões amarelos, mas como foi expulso na última partida, não joga no domingo.
NM com Globoesporte.com/al

Polícia Militar de Alagoas explica esquema de segurança do clássico

FOTO JORNAL EXTRA DE ALAGOAS
No domingo, CRB e CSA disputam o primeiro jogo da final do Campeonato Alagoano. As equipes se enfrentam novamente no dia 7 de maio, quando será definido o campeão da edição 2017 do estadual. Com torcida única, as duas partidas vão ser realizadas no Estádio Rei Pelé. A Polícia Militar de Alagoas já organizou um esquema de segurança para os dois clássicos. Comandante do policiamento da capital, o tenente-coronel Neyvaldo Amorim (veja abaixo) informou que será disponibilizado um grande efetivo para os dois dias de jogos. Serão aproximadamente 500 policiais deslocados para o jogo. A operação começa às 12h, com viaturas acompanhando também a movimentação nos pontos de ônibus.
– O esquema de policiamento é o mesmo de um clássico com as das duas torcidas. Temos um grande efetivo para fazer o jogo propriamente dito, dentro de campo, e também no entorno. Temos três momentos: antes do jogo, o jogo, e depois do jogo. Temos um grande esquema de policiamento para garantir a segurança de todos os torcedores e jogadores. 
Mesmo sem a presença da torcida do CSA dentro do Trapichão, a Polícia Militar está preocupada com a movimentação dos azulinos no entorno do estádio. Por isso, o esquema de segurança será ao redor e nas áreas próximas do Rei Pelé. 
– Estamos preocupados com o entorno do estádio, a torcida do CSA deve se concentrar em alguns pontos. A direção do CSA disse que vai disponibilizar espaço no Mutange para alguns torcedores, os outros devem se concentrar ao redor do estádio. Vamos ter então um policiamento concentrado nos corredores de transporte, nos terminais de ônibus para garantir toda a segurança. Esse ano vamos ter a Força Tarefa ajudando no policiamento do jogo. Vamos ter um grande quantitativo de viaturas novas fazendo esse entorno para que não haja nenhum tipo de problema. 
Segundo o comandante, o trânsito também será alterado a partir das 13h do domingo. 
– O BPTran ( Batalhão de Polícia de Trânsito) e a SMTT (Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito) vão fazer esse isolamento na área entorno do estádio. Quem morar naquela região deve ficar atento às mudanças de trânsito – recomendou. 
O tenente-coronel Amorim lembra que os torcedores não poderão entrar com bebidas alcoólicas nem objetos proibidos, como capacetes, armas de fogo e armas brancas, sinalizadores, guarda-chuva e bastão de selfie. 
– Continua proibida a entrada de bebida alcoólica dentro do estádio. Pedimos que os torcedores evitem levar objetos configurados como algum tipo de arma – concluiu. 
NM com Globoesporte.com/al

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Inscrições para a 5ª Corrida da emancipação estão abertas em Murici


As inscrições para a 5ª edição da Corrida Major Olavo, organizada pela Prefeitura Municipal de Murici, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura,  já estão abertas. O evento esportivo faz parte da programação em comemoração aos 125 anos de emancipação política do município.

A 5ª Corrida será realizada no dia 16 de maio, com largada às 07hs, e terá  percursos de 2,5km e 5km. A  inscrição poderá ser realizada gratuitamente na Secretaria de Esportes,  que fica localizada  no prédio da Prefeitura Municipal de Murici até 14 de maio.

NM com Jailson Colácio

CSA faz treino mais cedo e antecipa concentração para final do Alagoano

É final, clássico e merece atenção dobrada. É assim que o CSA encara o duelo deste domingo, às 16h, contra o CRB, no Rei Pelé. O elenco azulino treinou na manhã desta sexta-feira e os jogadores vão se apresentar nesta noite em um hotel da capital para iniciar a concentração. No sábado pela manhã, o técnico Oliveira Canindé comanda a última atividade antes da partida.
O goleiro Mota e o meia-atacante Thiago Potiguar estão suspensos e são desfalques certos. Thales está recuperado da torção no tornozelo direito e vai formar a dupla de zaga com Douglas Marques. Os laterais são Celsinho e Rafinha. Jeferson é o favorito para assumir a vaga no gol, mas Alexandre Cajuru, que ainda não estreou com a camisa do Azulão, pode aparecer como surpresa.
Canindé deve começar com dois volantes: Dawhan e Everton Heleno. Se optar por mais um, Marcos Antônio entraria para aumentar a marcação. Daniel Costa e Didira devem ser os meias. Daniel tem a bola parada e pode ser fator decisivo. Além de ajudar na marcação, Didira volta para buscar a bola na zaga e qualifica a saída para o ataque.
Na terça-feira, com o treino aberto para a imprensa, o time titular teve 12 jogadores. O ataque foi formado com Vanger, Cleyton e Jeam. Na vitória contra o ASA, a equipe principal jogou sem centroavante. Thiago Potiguar atuou como falso 9. Com ele suspenso, Jeam briga pela vaga. Caso não mexa no time, Canindé deve jogar, novamente, sem homem de referência no ataque, sendo formado por Cleyton e Vanger.
O primeiro jogo da decisão está marcado para este domingo, às 16h, no Estádio Rei Pelé. O mando é do CRB e apenas o time regatiano vai ter a sua torcida no Trapichão. No duelo da volta, que será realizado no dia 7 de maio, com o CSA de mandante, só os azulinos vão poder ir ao estádio.
NM com  Augusto Oliveira

Murici com desfalques e retornos para decisão contra o ASA, neste sábado

FOTO: AILTON CRUZ
Para o Murici é a última cartada, quando neste sábado vai tentar o que ainda não conseguiu neste Campeonato Alagoano: vencer o ASA. Só que agora, mais que isso vai precisar ganhar por no mínimo dois gols de diferença ou na pior das hipóteses por diferença mínima para neste caso forçar prorrogação e possível decisão nos pênaltis para então ser conhecido não só o terceiro colocado da temporada 2017 mas também o novo representante alagoano na Copa do Brasil 2018.
Neste Estadual, Murici e ASA se enfrentaram quatro vezes e o representante arapiraquense está com cem por cento de aproveitamento neste confronto: 2x1 na 2ª e 1x0 na 7ª rodada da fase de grupos; 2x1 na 5ª rodada do hexagonal; e 3x2 no jogo de ida pelo 3º lugar.
Outro detalhe é que o ASA tem 88% de aproveitamento em casa: em nove jogos obteve oito vitórias e apenas uma derrota. Portanto, um desafio a mais para o Murici na partida deste sábado, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, e que vai começar às 17h30.
Em campo, um time novamente mexido porque o treinador Bilu não vai poder contar com o zagueiro Edson Veneno e o volante Patrick - expulsos na última quarta-feira. Para compensar, retornam o quarto-zagueiro Sinval e o lateral-esquerdo Thalisson. E seguem como dúvidas os jogadores Paulo Sérgio e Cláudio.
Uma provável escalação do Murici para a decisão deste sábado é com Dias, Sorin (Paulo Sérgio), Wesley, Sinval e Thalisson; Gueba, Paulo Victor e Deizinho; Katê, Tarcísio e Danilo. Um time ofensivo, com três atacantes.
NM com Francisco Cardoso

+ VISTAS

PARCEIROS NA MIRA