Image Map
Image Map
Image Map

sábado, 21 de julho de 2018

Elenco azulino embarcou neste sábado para mais dois confrontos na série B. Confira os relacionados.

ASCOM CSA 
Após o empate contra o Fortaleza, o time azulino embarca neste sábado para uma semana fora de casa, onde tem dois confrontos diretos pela briga na parte de cima da tabela. Primeiro contra o Atlético-GO, depois diante do Avaí.
A viagem inicia rumo a Goiânia onde o time marujo joga na segunda, contra o Atlético-GO, ás 20h, no Estádio Olímpico Pedro Ludovico. Antes, no domingo, o time realiza um treino no CT do Vila Nova, na capital de Goiás, no período da manhã.
Após o confronto contra o Atlético, a equipe treina na terça-feira novamente no CT do Vila e embarca na quarta rumo a Florianópolis. Na capital catarinense, o elenco treina quarta e quinta, com local a ser definido, e na sexta, às 19h15, enfrenta o Avaí, no Estádio da Ressacada.
Para  viagem, o técnico Marcelo Cabo relacionou 20 atletas, são eles:  Lucas Frigeri, Felipe, Celsinho, Rafinha, Velicka, Leandro Souza, Xandão, Elivelton, Roger, Yuri, Dawhan, Boquita, Juan, Didira, Daniel Costa, Echeverria, Niltinho, Hugo Cabral, Taiberson e Alemão.
NM com site do CSA

sexta-feira, 20 de julho de 2018

CSA não sai do zero, empata em casa e segue vice-líder da Série B

Atacante Niltinho chutou por cima do gol de Boeck em grande chance do CSA
FOTO: AILTON CRUZ
O CSA criou mais oportunidades que o Fortaleza, desperdiçou pelo menos três grandes oportunidades de marcar e, com isso, ficou apenas no empate sem gols com o Tricolor do Pici no Estádio Rei Pelé, que recebeu 17.586 mil torcedores na noite desta sexta-feira (20).
Com este resultado, o CSA não conseguiu chegar ao topo da tabela da Série B no confronto direto contra o time cearense. Ao segurar o empate, o Fortaleza alcançou 30 pontos e segue na primeira posição - liderança que já ostenta por 14 rodadas -, enquanto o time do Mutange passa a somar 29. 
E já não há tempo a perder, pois, a 17ª rodada será aberta nesta segunda-feira, e com o CSA novamente em campo. O time azulino vai visitar o Atlético (GO), às 20h, no Estádio Olímpico, enquanto o Fortaleza vai receber o Avaí (SC) no complemento da rodada, na terça-feira.
Ao término da partida, o técnico azulino Marcelo Cabo lamentou as muitas chances perdidas. "Sabíamos que seria uma partida muito estudada. Não erramos na parte defensiva, mas voltamos a pecar nas finalizações, principalmente dentro da área. Estamos trabalhando este fundamento", comentou o treinador, que valorizou o ponto somado em casa.
"Empatamos com o líder da competição. Finalizamos seis vezes dentro do gol, enquanto eles concluíram apenas uma. A vitória nos daria a liderança, mas não analiso o resultado. Nossa performance foi muito boa", avaliou o treinador, que se mostrou tranquilo para a sequência de dois jogos fora de casa - após encarar o Atlético, o clube marujo vai enfrentar o Avaí (SC) na sexta-feira (27).
"Estamos tranquilos. Aquele que perdeu um gol nesta noite nos deu alegrias em outros jogos. Hoje, fiquei muito feliz, particularmente, com a entrada do Juan [que substituiu o volante Ferrugem, lesionado]. O jogo fluiu e ele fez uma boa dobra com o Rafinha pela esquerda. Já o Alemão [atacante] também foi muito bem. Ele ainda carece de ritmo de jogo, mas correspondeu quando esteve em campo".
CSA 0x0 Fortaleza (Série B 2018)
Confira os melhores momentos da partida no Rei Pelé
O jogo
Diante de um grande público no Trapichão, CSA e Fortaleza iniciaram a partida se estudando bastante, de modo que, com bloqueios muito fortes, as duas equipes pouco conseguiam construir em termos ofensivos. 
Goleiro azulino Lucas Frigeri praticamente passou despercebido no Rei Pelé
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS











E o primeiro lance de perigo foi do Fortaleza. Dodô cobrou falta e viu Marcinho tentar no rebote, de cabeça, mas com pouca força. Deu tempo de Frigeri fazer uma bela ponte e segurar com firmeza, já aos 27 minutos de bola rolando.  
Só aos 30 é que o CSA criou sua primeira chance. O volante Yuri conseguiu uma linda assistência, rasgando o corredor central do Fortaleza e deixando Walter em condições de marcar. O atacante entrou sozinho, mas bateu em cima de Marcelo Boeck.
Didira esteve bem principalmente no segundo tempo, criando jogadas pela esquerda
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS











O Leão voltou a assustar aos 34 minutos. Derley serviu o atacante Wilson, que chutou forte, da intermediária, vendo a bola passar muito perto da trave direita do goleiro azulino Lucas. O lance deu um baita susto na torcida do CSA.
Mas o Azulão quase marcou em um dos últimos lances da primeira etapa. Eram 43 minutos quando o CSA pressionou a saída de bola do Fortaleza, conseguiu roubar a bola e Ferrugem entrou na área, mas demorou a finalizar e, quando bateu, mandou novamente em cima de Boeck.
Ferrugem também desperdiçou grande chance de abrir o placar no primeiro tempo
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS











Já o primeiro lance do 2º tempo foi uma nova chance desperdiçada pelo time da casa. Após rebote, Leandro Souza acionou Niltinho, que, dentro da área, não conseguiu finalizar com precisão, botando por cima do gol e irritando o torcedor azulino.
Pouco depois, aos 21 minutos, Niltinho perderia mais um "gol feito". Celsinho cruzou da direita e, após desvio, o atacante - livre de marcação no segundo pau - fez o domínio, mas chutou novamente por cima, para alívio do goleiro tricolor. 
E o CSA também conseguia chegar nas bolas paradas. Aos 30 minutos, por exemplo, Rafinha cobrou uma falta de longa distância, mandando direto no gol, mas Boeck fez a defesa com tranquilidade.
Como se não bastasse, já aos 38, no último lance de efeito do jogo, foi a vez de Daniel Costa também desperdiçar sua oportunidade. Alemão foi acionado pela esquerda, entortou o zagueiro e deu voltando para o camisa 10, que, sozinho, chutou em cima do volante Nenê Bonilha, mesmo com o gol aberto.
Atacante Alemão jogou pouco tempo, mas mostrou que chega para ser titular
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS


Lesionado, Walter deixou a partida no intervalo, sendo substituído por Alemão
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS





















FICHA TÉCNICA
CSA  x  Fortaleza
  • Campeonato Brasileiro - Série B - 16ª Rodada
  • Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (CBF-DF)
  • Árbitro Assistente 1: José Reinaldo Nascimento Junior (CBF-DF)
  • Árbitro Assistente 2: Luciano Benevides de Sousa (CBF-DF)
  • 4º Árbitro: José Reinaldo Figueiredo (CBF-AL)
  • Cartões Amarelos: Nenê Bonilha, Derley, (Fortaleza) e Niltinho (CSA)
CSA: Lucas Frigeri, Celsinho, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri; Niltinho (Echeverria), Ferrugem (Juan), Daniel Costa e Didira; Walter (Alemão). Técnico: Marcelo Cabo
Fortaleza: Marcelo Boeck, Tiga, Diego Jussani, Ligger e Leonan; Derley e Nenê Bonilha (Felipe); Marcinho (Douglas Coutinho), Dodô e Marlon; Wilson (Getterson). Técnico: Rogério Ceni
NM com Alberto Oliveira e Bruno Soriano

Mazola deve ser a única novidade para jogo contra o Juventude

O elenco do CRB treinou pela manhã e folgou à tarde, encerrando sua preparação para o duelo contra o Juventude na manhã desta sexta-feira (20). Já o embarque para Caxias do Sul (RS), palco do duelo das 16h30 do próximo sábado, pela 16ª rodada da Série B do Brasileiro, acontece à tarde, quando o Galo deve viajar com apenas uma novidade no time considerado titular, com Mazola figurando no ataque.
Já no banco de reservas, a novidade deve ficar por conta do meia Felipe Menezes, que foi regularizado na última terça-feira. 
Já os volantes Claudinei e Lucas Siqueira estão recuperados de desconforto muscular e devem enfrentar o Juventude - enquanto estiveram ausentes, foram substituídos por Feijão e Leílson, embora Luiz Otávio também tenha substituído Lucas durante treinamento no CT Presidente Marcos Barbosa. 
Com isso, uma provável escalação para começar a partida contra o Juventude tem João Carlos; Diogo, Everton Sena, Anderson Conceição e Rafael Carioca; Claudinei (Feijão), Lucas (Leílson ou Luiz Otávio) e Diego Rosa; Alípio, Mazola e Neto Baiano.
Ciente de que terá um jogo muito difícil pela frente, o lateral direito Diogo Mateus recordou a época em que atuou no futebol gaúcho.
- Quando eu estava no Internacional, enfrentei o Juventude algumas vezes. Lá faz muito frio. Não vai ser fácil, mas temos por objetivo seguir pontuando. E vamos tentar mais uma vitória para consolidarmos nossa reação no campeonato.


CRB e Juventude somam 18 pontos cada, mas o Galo, 12º colocado, é melhor na tábua de classificação porque tem duas a vitórias a mais que a equipe gaúcha, em 13º. Portanto, o vencedor deste duelo de "seis pontos" vai se aproximar do G4 da Série B, o que reforça a importância da partida no Estádio Alfredo Jaconi.
NM com Francisco Cardoso

Marcelo Cabo define plano tático para anular o Fortaleza no Rei Pelé

Adicionar legenda
O plano tático do CSA para tentar surpreender o líder Fortaleza, na noite desta sexta-feira, no Estádio Rei Pelé, já está definido pelo técnico Marcelo Cabo, que tem alertado seus jogadores a redobrarem a atenção no duelo mais aguardado do final de semana.
Para o treinador azulino, o time do Mutange vai precisar manter o nível de concentração do início ao fim da partida, especialmente com relação a algumas jogadas do Tricolor do Pici.
E sobre o grande desafio pela Série B do Brasileiro, o zagueiro Leandro Souza reforçou a importância do apoio da torcida azulina.
- Vai ser um jogo muito difícil. Afinal, eles são os líderes da competição. Primeiramente, precisamos respeitar este adversário. Mas nossa equipe terá que se impor porque vai atuar em casa. E é normal que todas as equipes oscilem na competição, o que não diminui os obstáculos que teremos pela frente.
Já o atacante Walter, autor do gol da vitória sobre o Sampaio Corrêa, em Maceió, já mandou seu recado.
- Vou ficar concentrado na área porque, surgindo uma oportunidade, estarei pronto para marcar.
O duelo CSA x Fortaleza está marcado para as 21h30 e é válido pela 16ª rodada. O Azulão é vice-líder, com 28 pontos, enquanto o Leão - que vem de derrota em casa para o Atlético-GO (1x0) - segue no topo da tabela, com 29.
Alemão regularizado
E o técnico Marcelo Cabo já poderá contar com o atacante Alemão, reforço que chegou por empréstimo do Paraná Clube. O nome do jogador - que estava no futebol sul-coreano - foi publicado, no início da noite desta quinta-feira (19), no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. 


Contudo, o treinador azulino vai manter a equipe que iniciou a partida contra os maranhenses, com Lucas Frigeri, Celsinho, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri, Ferrugem, Didira e Daniel Costa; Niltinho e Walter.
NM com Francisco Cardoso

quinta-feira, 19 de julho de 2018

Segundona do Alagoano 2018 tem a desistência da Ponte Preta

O Campeonato Alagoano da 2ª divisão ainda nem começou e já encolheu. É que a Ponte Preta anuncia desistência de participar da competição, que agora vai passar a contar com sete equipes.
A desistência, na tarde desta quinta-feira, vem às vésperas da reunião do Conselho Arbitral para definir a forma de disputa e o calendário do campeonato. É que este encontro está marcado para a próxima segunda-feira (23), às 15h, no auditório do Estádio Rei Pelé, que fica à Avenida Siqueira Campos, no bairro do Trapiche da Barra, em Maceió.
Agora, os participantes da Segundona 2018 são os seguintes: FF Porto Calvense, Internacional Alagoano, Jacyobá, São Domingos, Sete de Setembro, Sport Atalaia e Zumbi.
NM com Francisco Cardoso

+ VISTAS