Image Map
Image Map
Image Map

sábado, 3 de setembro de 2016

CRB consegue empate heroico no fim do jogo e quase consegue vitória contra o Criciúma no Heriberto Hulse

Fortes chuvas atrapalharam andamento do duelo entre Criciúma e CRB - Foto: Caio Marcelo/www.criciuma.com.br
CRB arrancou empate contra os catarinenses debaixo de muita chuva, na noite deste sábado, no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma, pela 23.ª rodada.
O resultado mantém o Criciúma em sua rotina de altos e baixos. Foi o terceiro tropeço em casa, com duas derrotas e um empate. Antes, vinha de derrotas para Paysandu, por 3 a 0, e Joinville, por 2 a 0. A irregularidade deixa o time na nona posição, com 31 pontos. Tem sete a menos que o quarto colocado, que é o próprio CRB.
MUITA CHUVA, POUCO FUTEBOL
A forte chuva que caiu em Criciúma foi um adversário a mais que cada clube teve no início da partida. Apesar da excelente drenagem do Heriberto Hülse, os dois times tiveram muitas dificuldades na construção de jogadas. Tanto que o jogo se arrastou sem grandes emoções por mais de 20 minutos.
Na primeira jogada clara de ataque, o Criciúma conseguiu abrir o placar. Aos 22 minutos, o lateral Niltinho escapou pela esquerda e cruzou na medida para o atacante Jheimy. Sem marcação, o camisa 9 só teve o trabalho de escorar de cabeça para o gol.
Após o gol, contudo, o ritmo do jogo voltou a cair. O CRB até tentou se arriscar mais ao ataque, mas sem efetividade. O time alagoano não conseguiu concluir à meta do goleiro Luiz com perigo uma vez sequer. Desta forma, a partida se arrastou sem novas emoções.
CASTIGO NO FIM!O segundo tempo não começou muito diferente do primeiro. Apesar da chuva ter diminuído, os dois times continuaram com muitas dificuldades no setor de criação. Somente quando os dois treinadores decidiram como as alterações é que o jogo ganhou um pouco de emoção e oportunidades de gol.
O primeiro a chegar foi o Tigre, aos 19 minutos. O volante Douglas Moreira cruzou na medida para a área e o meia Clayton finalizou muito perto do gol. A resposta saiu no minuto seguinte. O meia Bocão passou por Niltinho e chutou com muito perigo em direção ao gol de Luiz.
Conforme o tempo passou, os catarinenses apostaram em uma postura mais cautelosa e viram o Galo pressionar. No final, quando tudo caminhava para uma vitória catarinense aconteceu a surpresa. Aos 42 minutos, após escanteio, o goleiro Luiz saiu mal do gol, a bola sobrou para o zagueiro Diego Jussani mandar para o gol e empatar.
PRÓXIMOS JOGOSNo próximo sábado, às 16 horas, o Criciúma faz o clássico catarinense contra o Avaí, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. Enquanto isso, o CRB recebe o Vila Nova, no mesmo dia, às 21 horas, no estádio Rei Pelé, em Maceió.
NM com futebolinterior

FICHA TÉCNICA

Fase
Única
Rodada
23ª rodada
Data
03/09/2016
Horário
21h00
Local
Heriberto Hülse - Criciúma (SC)
Árbitro
Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

Renda
R$ 27.490,00
Assistentes
Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ)

Público
2.529 pagantes
Cartões Amarelos
Criciúma-SC: Raphael Silva
CRB-AL: Matheus Galdezani

Cartões Vermelhos
CRB-AL: Bocão
Gols
Criciúma-SC: Jheimy 22' 1T, Jheimy 22' 1T
CRB-AL: Diego Jussani 42' 2T
Criciúma-SC
Luiz; 
Paulo Cézar, Raphael Silva, Diego Giaretta e Niltinho; 
Barreto, Felipe Guedes (Ricardinho), Douglas Moreira e Alex Maranhão (Clayton); 
Roberto e Jheimy (Bruno Baio).
Técnico: Roberto Cavalo.
CRB-AL
Juliano; 
Marcos Martins, Diego Jussani, Flávio Boaventura e Diego; 
Olivio, Matheus Galdezani e Éder Loko (Welinton Junior); 
Roger Gaúcho (Neto Baiano), Luidy (Bocão) e Zé Carlos.
Técnico: Mazola Júnior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA