Image Map
Image Map
Image Map

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Fonteles quebra recorde mundial de Pistorius e leva ouro no Mundial

  • Alan Fonteles corre para conseguir o recorde nos 200 m
    Alan Fonteles corre para conseguir o recorde nos 200 m
Alan Fonteles quebrou o recorde mundial dos 200m da classe T43, que pertencia a Oscar Pistorius. Neste domingo, o brasileiro estabeleceu a marca ao conquistar a medalha de ouro na prova durante o Mundial Paralímpico de Atletismo, em Lyon.
O atleta brasileiro completou o percurso em 20s66. O recorde mundial anterior, pertencente a Pistorius, era de 21s30.
Nos Jogos Paralímpicos de Londres-2012, Fonteles já havia superado o sul-africano – desta vez em um duelo direto. Em uma arrancada incrível, o brasileiro superou o ídolo e conquistou o ouro na categoria T44.

"Eu estou muito feliz com a minha performance. Eu tive uma grande largada, e depois na reta vi que pelo telão que eu estava liderando com uma boa distância. Vi os segundos passarem e percebi que poderia quebrar o recorde mundial. Agora espero fazer o mesmo nos 100 m", falou.

O recorde dos 100 m já é dele. Em julho, o atleta de 20 anos venceu os 100 m T43 do GP paraolímpico de Berlim com 10s77 e cravou o novo recorde mundial da categoria, tornando-se o homem amputado de pernas mais rápido do mundo.

O tempo detonou, e muito, a antiga marca de 10s91 que era dividida entre Pistorius e o norte-americano Blake Leeper. Ambos haviam alcançado o tempo em 2007.

Outras medalhas

Além de Fonteles, outros brasileiro também conquistaram medalha neste domingo, em Lyon. Lucas Prado venceu o ouro nos 200 m T11 (cego total). Na mesma prova, Daniel Silva ficou com o bronze.

"A gente já sabia que não ia dar nos 20 metros finais, e a estratégia foi soltar a cordinha. O importante é passar a linha de chegada em primeiro lugar. Está dando certo desde Berlim. Agora, vamos nos concentrar para os 100m, porque também queremos ganha", falou Lucas.

Jonathan de Souza Santos levou a medalha de prata no arremesso de peso, classe F41. Com a marca de 11.61m, ficou atrás apenas do polonês Bartosz Tyszkowski, que fez 12.18m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA