Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Zé Carlos ainda aguarda regularização e garante: "Estou bem fisicamente"

A torcida regatiana está ansiosa para ver a reestreia do atacante Zé Carlos com a camisa do CRB. Contratado pelo Galo no mês passado, depois de atuar nos Emirados Árabes, o centroavante aguarda a regularização para, enfim, reencontrar os caminhos do gol na Série B do Campeonato Brasileiro. Até lá, ele garante que tem trabalhado muito para recuperar a forma física.
Zé Carlos CRB (Foto: Estéfane Padilha/GloboEsporte.com)Zé Carlos treina forte e aguarda regularização para voltar a defender a camisa do CRB (Foto: Estéfane Padilha/GloboEsporte.com)
- Fisicamente, eu estou bem, tenho trabalhado muito no dia a dia e me sinto bem. Mas o problema vai ser o ritmo de jogo. É preciso muito tempo de treinamento, tem que ter calma, para reconquistar esse entrosamento - alertou. 
Enquanto não volta a defender a camisa alvirrubra dentro de campo, Zé dos Gols afirma que está sabendo controlar a ansiedade.
- Ansiedade é quando a bola rola. Não tenho mais o problema de criar ansiedade antes de jogo. Você tem que estar sempre preparado para passar por cima dessas situações. O futebol é emoção, é ansiedade e eu estou me preparando bem para poder voltar a jogar pelo CRB - disse.
Sobre a regularização, o jogador destacou que os trâmites agora dependem da federação de futebol dos Emirados Árabes.
- Eu estou fazendo a minha parte, trabalhando, treinando forte, agora não depende de mim. O clube de lá já me liberou, o CRB já fez a parte dele e falta apenas a liberação da federação de lá. Eu e o Lima [Verde, supervisor do CRB] estamos aguardando, mas isso não depende da gente - salientou, confiante que possa ficar à disposição do técnico Mazola Júnior já no próximo sábado, diante do Vasco, no Rei Pelé.
01

ARTILHEIRO DA SÉRIE B EM 2015


No ano passado, o atacante defendeu o Galo na Série B do Campeonato Brasileiro e se tornou artilheiro da competição, marcando 19 gols, seguido por Kieza, do Bahia, e Marcelo Mineiro, do América-MG, que marcaram 14, cada. Após a competição nacional, tentou renovar com o Galo para a disputa do Campeonato Alagoano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil, mas terminou aceitando proposta do futebol árabe e foi defender o Ajman, na segunda divisão dos Emirados Árabes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário