Image Map
Image Map
Image Map

sexta-feira, 10 de junho de 2016

"É de partir o coração", diz Bolt, sobre chance de perder um ouro olímpico

Usain Bolt comemora vitória na Jamaica (Foto: AP Photo/Collin Reid)Usain Bolt venceu prova na Jamaica neste fim de semana (Foto: AP Photo/Collin Reid)
Com a segunda melhor marca do ano, Usain Boltmostrou no sábado que está forte na briga pelo ouro dos 100m rasos na Olimpíada do Rio de Janeiro. O jamaicano, porém, pode perder uma de suas conquistas olímpicas por causa do doping do companheiro de revezamento Nesta Carter, confirmado após reanálise da amostra B dos Jogos de Pequim. Depois da vitória na prova de sábado, o Raio disse estar de coração partida com a possibilidade de devolver a medalha.
- É de partir o coração. Você trabalha durante anos para acumular medalhas de ouro e trabalha duro para ser um campeão, então é de partir o coração. As coisas acontecem na vida. Se for confirmado e eu tiver eu devolver minha medalha de ouro, não é um problema para mim - disse o velocista, em entrevista ao jornal jamaicano “The Gleaner”.
Recordista mundial dos 100m e dos 200m, Bolt tem seis medalhas de ouro em Olimpíadas. Ele pode ser o primeiro atleta a conquistar o tri nas três provas de velocidade do atletismo: 100m, 200m e revezamento 4x100m. O feito, porém, pode ser manchado pelo doping de Carter, que esteve no revezamento da Jamaica em Pequim e Londres, mas a princípio só foi flagrado em reanálise dos Jogos de 2008. O teste apontou a presença da substância proibida Dimetilamilamina, um estimulante.
- Deve ser muito duro. Não posso falar o que ele (Carter) está passando, mas deve ser duro e frustrante. Não estou contente com a situação. Acho que é duro para o atletismo - disse Bolt.
Caso haja punição e perda de resultado nos Jogos Olímpicos, o Brasil herdará o bronze, já que Vicente Lenilson, Sandro Viana, Bruno Barros e José Carlos Moreira, o Codó, ficaram na quarta colocação em Pequim. Trinidad e Tobago pode ser o novo campeão, e Japão o vice. Carter pode sofrer de uma advertência pública e suspensão. Nem ele nem seus agentes comentaram o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA