Image Map
Image Map
Image Map

quinta-feira, 28 de abril de 2016

ASA vence o Genus por 2 a 1, mas está eliminado da Copa do Brasil

O ASA recebeu o Genus na noite desta quinta-feira (28) pelo segundo jogo da primeira fase da Copa do Brasil, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Precisando vencer por 3 gols de diferença, o máximo que o alvinegro conseguiu foi uma vitória, de virada, por 2 a 1 contra o time rondoniense. Klenisson e Júnior marcaram para o Fantasma. Já os visitantes marcaram com Tcharlles.
Após ter tomado 2 a 0 no jogo de ida, a missão do ASA não era a das mais fáceis. O time de Arapiraca precisava fazer o que só fez uma vez este ano, na vitória por 4 a 0 sobre o Penedense, ainda pela 6ª rodada da fase de grupos do Campeonato Alagoano.
O time alvinegro contou com as estreias do volante Ramalho, do lateral-direito Felipe Cordeiro, do meia Diogo e do zagueiro Rayan, recém-contratados e únicos regularizados pela CBF entre os reforços anunciados nos últimos dias, após a eliminação do Estadual.
Já o desconhecido Genus veio para Alagoas com o regulamento debaixo do braço. Se marcasse um gol, o que acabou acontecendo hoje, obrigaria o alvinegro a ter que fazer 4 gols para se classificar. O ASA até tentou, mas não conseguiu ampliar a vantagem após Júnior balançar a rede no segundo tempo.
O jogo
O árbitro mal autorizou o início do jogo, e o que o ASA temia acabou acontecendo. Com 30 segundos de jogo, Tcharlles avançou e arriscou o chute, acertando o alvo e abrindo o placar para o Genus com um gol relâmpago.
O gol, naturalmente, desestruturou o time do ASA no início da partida. O time ficou nervoso após o placar ainda mais desfavorável e com tão pouco tempo de jogo. O único grande momento do time alvinegro no primeiro tempo foi o gol marcado por Klenisson, ao 44 minutos: um alento para o Fantasma, que precisava marcar três gols no segundo tempo.
Na volta para a segunda etapa, o time do técnico Betinho adotou uma postura mais ofensiva. O alvinegro pressionou o Genus, que logo tratou de se fechar, dificultando as investidas do ASA. 
Aos 30 minutos, Dudé cobrou escanteio e Rayan desviou a bola, que passou muito perto do gol de Tiago Rocha. Aos 34, Jorginho cobrou falta e o goleiro do Genus fez uma bonita defesa. 
E de tanto insistir, o Fantasma chegou ao gol da virada aos 48 minutos da segunda etapa, com o lateral-direito Júnior, após sobra de bola na entrada da área. Porém, não deu tempo para que o clube alagoano pudesse chegar ao seu objetivo, e o classificado Genus vai enfrentar a Ponte Preta na próxima fase da Copa do Brasil.
NM com Gazetaweb.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA