Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 11 de outubro de 2015

Penedense empata, garante seu retorno à Primeira Divisão e faz a festa da torcida

Penedense fez a festa da sua torcida e está de volta à elite alagoana
O Penedense alcançou seu maior objetivo dessa temporada. Jogando em casa, no Estádio Dr. Alfredo Leahy, o "Centenário das Alagoas" empatou com o Sete de Setembro por 2 x 2 e garantiu o seu acesso à Primeira Divisão do futebol alagoano em 2016.
A partida, que foi dominada pelo time visitante em quase 2/3 dos noventa minutos, teve inúmeras emoções, principalmente na segunda etapa.
A equipe da capital abriu o placar, graças a um gol de Alexsandro. Posteriormente, o atacante Pilar desperdiçou uma penalidade máxima para os ribeirinhos. O goleiro Dias defendeu a cobrança do atacante, encaixando a bola com muita firmeza.
No segundo tempo, a equipe canarinha seguiu dominando a partida e assinalou o segundo tento através do lateral Diogo, que acertou uma bela cabeçada. Esse resultado deixou a equipe da casa desnorteada.
O desespero do time da casa aumentou quando o meia Jan foi expulso por reclamação. Aí, entrou nojogo o treinador Evanílson, que realizou substituições mais do que certeiras. As entradas de Fofo, Wesley e, principalmente, Paulo Alagoano, mudaram o panorama da partida.
Passando a jogar com a bola no chão, o "Centenário das Alagoas" diminuiu com Buiú, ganhando um novo ânimo na partida. Pressionando o adversário, o gol do empate veio com Wesley, que aproveitou um cruzamento perfeito do lateral Luciano Pinga. Com o empate, o Sete de Setembro ainda teve chance de vencer a partida numa bola aérea, mas o goleiro Manoel fez um defesa portentosa.
Fim de jogo e com o empate garantido, o alvirrubro ribeirinho pode comemorar a volta à elite do futebol alagoano. Festa da torcida, jogadores, comissão técnica e dirigentes no "Caldeirão da Alegria".
Equipes:
O Penedense empatou jogando com: Manoel; Pinga, Noé, Bruno e Drey; Vagner (Wesley), Elenilson (Paulo) e Jan; Marcos Bala, Buiú e Pilar (Geovane). Tecnico: Evanilson Nunes. 
Por sua vez, o  Sete formou com: Dias; Diogo (Deivid), Sirlan, Xalalau e Nildo; Rambo, Odair Lucas e Paulinho; Wilson e Alexsandro (Thiago Jesus). Técnico: Adriano Cabeça.
A partida contou com a boa arbitragem de Gildson Bispo Santos. 
NM com Robson Lessa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA