Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 18 de outubro de 2015

CRB perde após sete rodadas e estaciona no 11º lugar na Série B

Atualizada às 23h50

O CRB foi a Lucas do Rio Verde (MT) para defender invencibilidade de sete jogos e mais uma vez avançar na tabela do Campeonato Brasileiro da Série B. Mas na noite deste sábado saiu de campo derrotado por 2x0 e estaciona no 11º lugar, com 43 pontos.

Os gols da partida, no 2º tempo, foram assinalados pelos jogadores Alípio e Tozin. O Luverdense é que avança na tabela, ao pular duas posições e agora é 8º colocado, com 48 pontos.



Na próxima rodada (32ª) o CRB receberá a visita do Vitória no sábado, 24, às 16h30, enquanto que o Luverdense vai ao interior paulista para enfrentar o Bragantino, no mesmo dia, só que às 20h.

Como foi

O jogo começou com o Luverdense imprimindo uma forte velocidade e como conseqüência o CRB tomou dois cartões amarelos antes dos dez minutos, ambos por jogadores da defesa: lateral-direito Bocão e zagueiro Diego Jussani.

O time da casa foi absoluto nos primeiros vinte minutos. Assim que a bola rolou o Luverdense triangulou e lateral-direito Raul Prata só não balançou a rede adversária porque a bola foi desviada no zagueiro Diego Jussani para escanteio.

O primeiro bom momento do veio através do atacante Zé Carlos, aos vinte minutos, que travaria duelo particular com o goleiro adversário. Só que aí, próximo da área do Luverdense, passou por um marcador, mas ficou no segundo.

E o primeiro grande momento da partida foi do CRB, aos 23 minutos. Meia-atacante Clebinho foi à linha de fundo e fez o centro para o cabeceio do zagueiro Diego Jussani. A bola tinha endereço certo não fosse o goleiro Edson espalmar para escanteio.

O CRB, de acuado nos minutos iniciais, terminaria o 1º tempo dominando a partida. E poderia ter aberto o placar aos 3 minutos do 2º tempo em falta batida pelo zagueiro Diego Jussani; só que a bola esbarrou no travessão.

O jogo ficou aberto e o Luverdense chegaria ao primeiro gol aos 8 minutos. Meia Alípio recebeu nas costas da defesa do CRB, em passe do atacante Lucas Fernandes, e finalizou com êxito. Goleiro Júlio César ainda tocou na bola, mas não teve jeito porque ela entrou em sua rede.

Assim que sofreu o gol o treinador Mazola Júnior mexeu no seu time visando deixá-lo mais ofensivo ao trocar o meia Danilo Bueno pelo atacante Ricardinho. Mas não deu resultado porque foi o Luverdense que ampliou aos 26 minutos, num lance de infelicidade da defesa regatiana. Atacante Diego Rosa chutou em gol e zagueiro Gabriel ia fazendo contra. Goleiro Júlio César tentou corrigir ao dar um tapa na bola, só que não foi suficiente para eliminar o perigo porque o atacante Rozin, atento, tocou para o fundo da rede.

Este gol eliminou poder de reação do CRB, que esteve para sofrer o terceiro aos 44 minutos. Só que o reserva Rafael Tavares, da entrada da área, finalizou mal após troca de passes entre Diego Rosa e Tozin.

Gosto amargo

O treinador Mazola Júnior definiu como gosto amargo a derrota que o CRB sofreu na noite deste sábado:

- Criamos muitas chances, particularmente no 1º tempo, só que não tivemos competência para fazer gol. É verdade que também esbarramos no goleiro adversário, que teve uma ótima exibição.

Para o jogo contra o Vitória, o CRB perdeu o lateral-direito Bocão porque diante do Luverdense recebeu o terceiro cartão amarelo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA