Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

domingo, 19 de maio de 2019

CSA cria boas chances, mas não resiste e perde para o Internacional por 2 a 0

FOTO: RAUL PEREIRA/FOTOARENA
O CSA até teve uma boa atuação diante do Internacional, mas não conseguiu suportar a pressão gaúcha no Beira-Rio e acabou derrotado por 2x0, neste domingo (19), em Porto Alegre-RS. Nonato, aos 36 minutos do primeiro tempo e, Edenílson aos 19 da etapa final, decretaram mais um triunfo colorado no Brasileirão.
Apesar do placar, o Azulão demonstrou uma evolução em relação ao desempenho apresentado nas últimas partidas, chegando mais ao ataque e criando quatro chances de balançar as redes do Inter. 
Com o resultado, o CSA segue sem vencer na Série A do Brasileirão e dentro da zona de rebaixamento, com três pontos ganhos. Já o Internacional, manteve os 100% de aproveitamento, em casa, no Brasileiro e encostou nos líderes, ocupando agora a 5ª posição, com nove pontos. 
Na próxima rodada, o CSA volta a jogar diante de seu torcedor, recebendo a visita do Goiás, segunda-feira (27), às 20h, no Estádio Rei Pelé. Um dia antes, domingo (26), o Internacional vai até a Vila Belmiro, encarar o Santos, às 16h.

Internacional 2x0 CSA
Confira os melhores momentos da partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019

Lá e cá

Mal a bola rolou e o CSA resolveu surpreender o Internacional. Com apenas 15 segundos de partida, Patrick Fabiano bateu rasteiro pelo lado direito e obrigou o goleiro Marcelo Lomba a deixar a meta e afastar o perigo de carrinho.

Aos 7 minutos, foi a vez do arqueiro azulino Jordi aparecer. D'Alessandro cobrou escanteio na primeira trave, a bola ficou viva e Rodrigo Lindoso finalizou, mas o goleiro marujo defendeu com o peito. 

Goleiro Jordi mais uma vez teve atuação de destaque pelo CSA
FOTO: RAUL PEREIRA/FOTOARENA























Um minuto depois, o CSA respondeu à altura. Jordi fez ligação direta com Patrick Fabiano, ele se livrou da marcação de Rodrigo Moledo, invadiu à área, bateu forte e, Marcelo Lomba com a mão direita, fez uma grande defesa, salvando o Colorado.

Com 15 minutos, o zagueiro Rodrigo Moledo sentiu um desconforto muscular e precisou ser substituído por Emerson Santos. Apesar da troca, o time de Odair Hellmann não sentiu e quase saiu na frente com uma pancada de Nico López, aos 26 minutos, mas, Jordi espalmou.

Chegando mais ao ataque do que nas últimas atuações, o CSA resistia a pressão colorada e incomodava a defensiva gaúcha, mas Lomba não dava chances aos alagoanos. Aos 28, ele mais uma vez apareceu para defender um chute rasteiro de Carlinhos, após boa trama do lateral marujo com Matheus Sávio.

Mas, o Inter era mais time e chegou ao gol aos 36 minutos. O goleiro Jordi que, havia feito mais uma defesa importante na cobrança de falta de D'Alessandro, não conseguiu segurar o chute de Nonato. Esperto dentro da área, o camisa 8 do Inter aproveitou o desvio de Iago, após cruzamento de D'Ale, e tocou na saída do goleiro azulino para a festa do torcedor no Beira-Rio. Inter 1x0.

Nonato marcou o primeiro gol do Internacional no Beira-Rio
FOTO: EVERTON SILVEIRA-AG FREE LANCER






















Quando a partida se encaminhava para o intervalo, veio a polêmica da tarde. Edenilson cobrou falta na medida para Víctor Cuesta que, em posição legal, testou no cantinho esquerdo de Jordi e marcou o segundo do Inter. O árbitro carioca Rodrigo Carvalhaes de Miranda (CBF) consultou o VAR e anulou o lance por entender que o zagueiro Emerson Santos, em posição de impedimento, participou da jogada.

Lomba salva e Edenílson faz golaço

Precisando correr atrás do placar, o técnico Marcelo Cabo trocou o meia Madson pelo atacante Maranhão, no CSA. Apesar da mudança mais ofensiva do Azulão, o Inter dominava a partida e ampliou o marcador aos 19 minutos com um golaço de Edenílson. Ele recebeu na entrada da área e soltou um foguete, acertando o ângulo superior esquerdo de Jordi. Colorado 2x0.

Edenílson acertou um lindo chute e marcou um golaço para o Inter
FOTO: LAURO ALVES / AGENCIA RBS























Cabo trocou Nilton por Victor Paraíba, buscando segurar a bola no campo ofensivo, mas foi o Internacional quem por pouco não ampliou com Guerrero, aos 28, quando ele encheu o pé da entrada da área e obrigou Jordi a espalmar para o lado, em mais uma grande defesa do goleiro azulino.

O CSA não se entregava e mesmo com a desvantagem esteve perto de balançar as redes do Colorado em dois lances. No primeiro, aos 31 minutos, Carlinhos cruzou da esquerda, Patrick Fabiano testou no canto e Marcelo Lomba fez uma defesa espetacular com a ponta dos dedos. 

Apesar da boa atuação, CSA não resistiu a pressão colorada neste domingo
FOTO: RAUL PEREIRA/FOTOARENA























Três minutos depois foi a vez de Matheus Sávio ficar cara a cara com o goleiro do Inter. Ele apareceu por trás da marcação de Victor Cuesta e tocou na saída de Lomba, mas a bola explodiu na trave.

Antes do apito final, o Inter ainda teve uma chance com Guerrero em cobrança de falta perigosa, mas a bola foi para fora. Fim de papo no Beira-Rio: Internacional 2x0 CSA.

Equipes:

Internacional: Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo (Emerson Santos), Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Lindoso, Edenílson e Nonato; D'Alessandro (Sarrafiore) , Nico López (Neílton) e Paolo Guerrero.

Técnico: Odair Hellmann.

CSA: Jordi; Apodi, Gerson, Luciano Castán e Carlinhos; Nilton (Victor Paraíba), Naldo, Didira, Madson (Maranhão) e Matheus Sávio (Gerson Jr); Patrick Fabiano.

Técnico: Marcelo Cabo.

NM com Isaac Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário