Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

sábado, 25 de maio de 2019

Com direito a 'lei do ex', CRB e Vila Nova ficam no empate por 1x1 no Rei Pelé

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS
O CRB até esteve perto de dormir dentro do G4 da Série B do Brasileirão, mas ficou apenas no empate com o Vila Nova-GO, no Rei Pelé, nesta sexta-feira (24). Aos 22 minutos do primeiro tempo, Willie, de cabeça, colocou o Galo na frente do marcador. Porém, logo no início da etapa final, Diego Jussani - que jogou no Galo em 2015 e 2016 - tratou de acabar com objetivo regatiano e empatou o confronto para o Tigre, aos 8 minutos fazendo valer a famosa 'lei do ex' no Trapichão.
Com o empate, o CRB permanece momentaneamente na sexta posição da Segundona, com sete pontos ganhos. Dependendo dos resultados da rodada neste fim de semana, o Regatas pode perder mais posições na tabela de classificação. O Vila Nova, por sua vez, ganhou duas colocações e agora aparece em décimo com seis pontos. 
Agora, o Galo terá uma semana de descanso, já que volta a campo somente na próxima sexta-feira (31), quando vai medir forças com o São Bento, às 20h30, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba-SP. Um dia depois, o Vila  recebe o Londrina no Serra Dourada, em Goiânia, às 16h30.

CRB 1x1 Vila Nova-GO
Confira os melhores momentos da partida válida pela 5ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro


Willie marca
Desde o início do jogo, o CRB sabia que a noite não seria fácil no Rei Pelé. Apesar de jogar fora de casa, o Vila Nova não se intimidou e não deixava a defensiva regatiana descansar. Aos cinco minutos de bola rolando, o lateral Daniel Borges errou na saída de jogo e Neto Moura finalizou à direita do gol alvirrubro.
Edson Mardden salta e vê a bola passar raspando o travessão regatiano
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS






















Dois minutos depois foi a vez de Ferrugem sair jogando errado. A bola sobrou no lado direito e Gastón mandou uma paulada que explodiu no poste esquerdo de Edson Mardden. 
Com dificuldades na transição, o CRB só acordou aos 22 minutos e, de cara, demonstrou força. Lindo passe de três dedos de Alisson Farias para Felipe Ferreira. O camisa 10 regatiano recebeu no lado esquerdo, levantou a cabeça e cruzou na medida para Willie cabecear no cantinho esquerdo de Rafael Santos: Galo 1x0.
Willie corre para comemorar com os companheiros o gol marcado no primeiro tempo
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS






















A bola área aliada aos passes de Felipe Ferreira poderia ter sido o grande trunfo do CRB no jogo. Aos 32 minutos, o meia regatiano cobrou falta e encontrou Victor Ramos na segunda trave, ele cabeceou para o chão e a redonda morreu no fundo do gol. Mas, a arbitragem pegou impedimento do estreante zagueiro do Galo.
Também na bola parada o Vila teve chance de igualar o marcador ainda no primeiro tempo. Diego Jussani soltou uma bomba de perna direita, a bola saiu venenosa e por pouco não entrou no ângulo superior direito de Edson Mardden, que se esticou todo e viu a redonda passar por cima do travessão.
Lei do ex aparece!
Correndo atrás do prejuízo, o Vila Nova retornou para o segundo tempo mais perigoso. Aos cinco minutos, Alan Mineiro acertou o travessão de Mardden, após um lindo chute de perna direita. 
Dois minutos depois, o próprio meia do Tigre foi derrubado por Edson Henrique na meia-lua da grande área. Diego Jussani, ex-CRB, pegou a bola e acertou um balaço, rasteiro, no canto esquerdo de Edson Mardden, empatando o confronto no Rei Pelé: 1x1. 
Chute de Jussani entrou no cantinho esquerdo de Edson Mardden
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS






















Marcelo Chamusca perdeu Dirceu Lucas contundido e colocou Mateus Silva na partida. Mas foi o lateral-esquerdo Igor quem quase recolocou o Galo à frente aos 17 minutos, quando finalizou forte e obrigou Rafael Santos a espalmar para o lado.
Aos 20 minutos a partida ficou paralisada devido a uma pane no sistema de iluminação de uma das torres do Rei Pelé. 
Luzes de uma torre do Rei Pelé apagaram aos 20 minutos da etapa final e o jogo ficou parado
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS
Quando o jogo recomeçou, os times caíram de rendimento e passaram a errar muitos passes. Chamusca ainda trocou Willie por William Barbio e Alisson Farias por Bryan, mas o CRB seguia inofensivo.
Quando o jogo se encaminhava para o final, eis que surgiram mais duas grandes chances, uma para cada lado. Na primeira, aos 47 minutos, Juninho soltou uma pancada da entrada da área e a bola passou perto da trave de Mardden. 
Apesar de ter marcado em jogada aérea, CRB tinha dificuldades pelo alto
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS






















Já aos 50, Felipe Ferreira invadiu à área do Vila Nova, cortou o marcador e bateu cruzado de perna direita, mas, a bola desviou no adversário e raspou o poste direito de Rafael Santos. Fim de papo no Trapichão: CRB 1x1 Vila Nova.
CRB: Edson Mardden; Daniel Borges, Victor Ramos, Edson Henrique e Igor; Lucas (Mateus Silva), Ferrugem e Felipe Ferreira; Willie (William Barbio), Alisson Farias (Bryan) e Léo Ceará.
Técnico: Marcelo Chamusca
Vila Nova-GO: Rafael Santos; Jeferson, Wesley Matos, Diego Jussani e Gáston; Joseph, Ramon e Neto Moura; Richard (Juninho), Gustavo Mosquito (Bruno Mota) e Alan Mineiro (Boné).
Técnico: Eduardo Baptista.
NM com Isaac Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário