Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

domingo, 21 de janeiro de 2018

Confira o regulamento do Campeonato Alagoano de 2018

O torcedor alagoano se reencontra com o Estadual na tarde deste domingo (21). E o certame, que reúne um time a menos - em comparação com o Alagoano de 2017 -, sofreu mudanças visando, principalmente, à adequação ao calendário da Copa do Mundo da Rússia, que acontece em junho, quando as principais competições do país serão suspensas.
A alteração que deverá ser mais sentida pelo torcedor é exatamente a quantidade de jogos, pois, cada uma das nove equipes - CSA, CRB, CEO, ASA, Santa Rita, Coruripe, Murici, CSE e Dimensão Saúde - fará apenas oito jogos nesta primeira fase. Todas fazem parte da mesma chave, com as quatro melhores colocadas avançando para a fase eliminatória.
Os dois times de melhor campanha classificam-se para as semifinais com a vantagem do empate na soma dos resultados, além de poder fazer a segunda partida em casa. Já os finalistas serão conhecidos por meio do tradicional cruzamento olímpico, com o primeiro colocado enfrentando o quarto, e o segundo encarando o terceiro.
Já a grande final também terá duas partidas, assim como no ano passado, quando o CRB sagrou-se tricampeão. Havendo empate na soma dos resultados, o campeão será conhecido na disputa por pênaltis, em 8 de abril, cerca de 30 dias antes do início da Série B do Brasileiro - que, este ano, também terá a participação do CSA. O mesmo critério (sobre as penalidades) vale para as semifinais.
O campeão garante vaga nas copas do Nordeste e do Brasil no ano que vem. Já o segundo colocado, como ocorreu ao CSA em 2017, terá de participar de uma seletiva para se garantir no Nordestão, apesar de já assegurar sua vaga na Copa do Brasil. A terceira e última vaga na Copa do Brasil ficará com o terceiro colocado.
E os finalistas também conquistarão o direito de disputar a Série D do Brasileiro deste ano, desde que a grande final não seja entre CSA e CRB, que estão na Segunda Divisão. Neste caso, a escolha dos representantes alagoanos obedecerá o mesmo critério, com terceiro e quarto colocados seguindo para a disputa nacional.
Por fim, outro detalhe é que, em 2019, o certame estadual terá apenas oito clubes, pois, neste ano, apenas o campeão da divisão de acesso garantirá vaga.
NM com Bruno Soriano

Nenhum comentário:

Postar um comentário