Image Map
Image Map
Image Map

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

CRB segura Internacional, arranca empate e segue fora do Z4

FOTO:RBS
Se o cenário era de muito receio de que o CRB tomasse uma pancada na Arena Beira-Rio para o Internacional, na noite desta sexta-feira (03), o roteiro acabou sendo diferente. Jogando sem cometer erros, o CRB segurou a pressão do Colorado - e até teve chance de conseguir a vitória - e ficou no empate sem gols.
Com o ponto somado contra o time gaúcho, o CRB permanecerá pelo menos mais uma rodada fora da zona de rebaixamento da Série B. É que o time regatiano chegou aos 39 pontos, seguindo na 16ª posição, mas não poderá ser ultrapassado pelo Luverdense-MT. 
Já o Internacional chegou aos 62 pontos e também não deixará a liderança da Série B na 33ª rodada - que tem seguência neste sábado (04).
Na rodada da próxima, com todos os jogos acontecendo na terça-feira (07), o CRB receberá o Juventude, às 20h30, no Estádio Rei Pelé, enquanto o Internacional enfrentará o Luverdense, em Lucas do Rio Verde. 
Para o compromisso diante do torcedor alvirrubro, o técnico Mazola Júnior não poderá contar com o atacante Neto Baiano e o volante Rodrigo Souza, que receberam o terceiro cartão amarelo. Em compensação, terá o retorno do lateral direito Edson Ratinho, que cumpriu suspensão automática.
O jogo
Logo aos sete minutos, o Inter - que vinha de derrota em casa para o vice-líder Ceará (1x0) - construiu o primeiro bom momento da partida, com o argentino D'Alessandro finalizando uma bola de primeira e forçando o goleiro Edson Kölln a fazer uma defesa importante.
Internacional 0x0 CRB
Confira os melhores momentos da partida no Beira-Rio.
Com mais volume de jogo, o Inter seguiu pressionando, mas sem criar situações de gol, já que as finalizações não levavam perigo à meta regatiana. O CRB, por sua vez, criou sua única chance aos 37 minutos, numa jogada de bola parada, quando Diego alçou na área e Rodrigo Souza cabeceou no meio da defesa do time gaúcho.
Somente nos cinco minutos finais, o Inter assustou com duas conclusões perigosas. Numa delas, aos 43 minutos, William Pottker recebeu no lado direito, cortou para dentro e soltou uma bomba, mas Edson Kolln rebateu para fora da área.
O cenário não foi alterado no segundo tempo. O Colorado tinha as ações, mas não tinha qualidade na finalização. O primeiro susto sofrido pelo Internacional foi aos 15 minutos. Após um lançamento para Neto Baiano, o atacante do CRB teve a chance de abrir o marcador. Neto finalizou de primeira, mas Danilo Fernandes salvou com o pé.
Aos 24 minutos, foi a vez de o CRB novamente assustar. Numa arrancada em transição veloz de Tinga, o meio-campista - que ganhou a disputa com Tony por vaga no setor - avançou e, na intermediária, mandou um petardo de fora da área. Danilo Fernandes teve que se virar para fazer uma grande defesa.
Substituto do suspenso Ratinho, lateral regatiano Marcos Martins tenta desarmar Edenilson
FOTO: SC INTERNACIONAL/DIVULGAÇÃO











Na sequência, o Inter ainda assustou em um cruzamento de Edenilson. Adalberto não conseguiu cortar e Carlos cabeceou para uma defesa de muito reflexo do goleiro Edson Kolln, o nome do Galo na partida. 
Depois disso, a pressão do Inter seguiu sem conseguir furar o sistema defensivo do CRB, e o árbitro Fifa encerrou a disputa, já aos 61 minutos, com o placar inalterado e vaias da torcida colorada.
Ficha Técnica
Internacional 0 x 0 CRB
  • Campeonato Brasileiro - Série B - 33ª Rodada
  • Local: Arena Beira-Rio (Porto Alegre-RS)
  • Árbitro: Rodolfo Toski Marques (FIFA-PR)
  • Árbitro Assistente 1: Bruno Boschillia (FIFA-PR)
  • Árbitro Assistente 2: Victor Imazu dos Santos (FIFA-PR)
  • 4º Árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS)
  • Renda: R$ 535.236,00;  Público: 25.764 torcedores (com 22.094 pagantes)
  • Cartões Amarelos: Rodrigo Souza, Neto Baiano, Tinga (CRB) Nico López, Cláudio Winck, Carlos (Internacional)
Internacional: Danilo Fernandes, Claúdio Winck, Léo Ortiz, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado e Edenilson; William Pottker (Camilo), D'Alessandro e Eduardo Sasha (Nico López); Leandro Damião (Carlos). Técnico: Guto Ferreira
CRB: Edson Kolln, Marcos Martins, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Adriano  (Yuri) e Rodrigo  Souza; Tinga (Tony), Danilo Pires e Chico (João Paulo Penha); Neto Baiano. Técnico: Mazola Júnior.
NM com Bruno Soriano e Alberto Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA