Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 30 de julho de 2017

De virada! CSA vence o Botafogo-PB e reassume a liderança isolada na Série C

FOTO: AILTON CRUZ
O CSA voltou a vencer na Série C do brasileirão, na tarde deste domingo (30). O Azulão derrotou o Botafogo-PB de virada por 2 a 1, no Estádio Rei Pelé e voltou à liderança do grupo A da Terceirona. Os gols da partida foram marcados por Dico, no primeiro tempo para o Belo e Thalles e Dawhan para o CSA na etapa final.
Com o resultado, a equipe azulina volta à ponta da tabela de forma isolada, com dois pontos a mais que o Fortaleza, segundo colocado.  Já o Botafogo-PB segue na 6ª posição, chegando a sua quinta derrota seguida na competição.
Na próxima rodada, as duas equipes jogam fora de casa. No sábado a equipe azulina encara o Moto CLub-MA, no Estádio Castelão, às 16h. No mesmo dia, o Belo enfrenta o Salgueiro-PE, às 20h, no Cornélio de Barros.
O jogo
A partida começou bastante pegada, com as duas equipes em busca de espaço. Mas ainda assim, os donos da casa conseguiram se sobressair e criar mais lances de perigo. O grande problema da equipe alagoana foi a pontaria dos seus jogadores no campo de ataque. Apesar de conseguir chegar ao gol da equipe paraibana, as finalizações não saíram bem. 
Jogo foi bastante pegado, com muitas faltas e cartões amarelos para os dois lados
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

O CSA teve no mínimo três chances claras de gol na primeira etapa.  Aos 25, Marcos Antônio arrumou para o atacante Michel, dentro da área, e o atacante desperdiçou a chance de abrir o placar. Dois minutos depois, Daniel Costa cobrou falta dentro da área do Botafogo, e o zagueiro azulino, Thalles, cabeceou para o gol. A bola foi para fora pelo lado esquerdo.
Enquanto isso, o Botafogo apenas se defendia, buscando, sem sucesso, sair em jogadas de contra-ataque. Para se ter uma ideia, antes de abrir o placar, o Belo chutou apenas uma vez ao gol do goleiro Mota. 
A equipe azulina ainda teve uma ótima chance para abrir o placar, e Marcos Antônio pelo lado direito, recebeu dentro da área e chutou. A bola foi desviada pela defesa e colocada para fora. E aoss 44 minutos, o castigo. Em bola cruzada na área, Mota cortou mal e a bola sobrou para Dico chutar e colocar o Botafogo abrir no placar.
Segundo tempo
O CSA voltou com uma mudança. Saiu Marcos Antônio, machucado, dando lugar ao atacante Gustavinho, passando a jogar com três atacantes. O time evoluiu e conseguiu agredir mais a equipe paraibana. E logo aos 10 minutos, o time conseguiu o empate. Em cobrança de escanteio de Daniel Costa, o zagueiro Thalles subiu para mandar de cabeça para o fundo das redes de Michel Alves.
Zagueiro Thalles do Azulão, empatou a partida no início do segundo tempo
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS
Aos 17 minutos, o técnico Ney da Matta fez mais uma alteração no time, colocando o meia Didira no lugar do Gustavinho, que acabou se machucando. Sete minutos depois, houve um festival de alterações, com os dois times mexendo. No Belo, Roger Gaucho e Val entraram no lugar de Dico e Gustavo. No CSA, saiu Edinho para dar lugar ao atacante Daniel Angulo.
Depois do empate, o jogo ficou bastante pegado, com jogadas duras. E quem assustou a torcida azulina que estava no Rei Pelé foi a equipe alvinegra, aos 30 minutos da segunda etapa, com Rafael Oliveira, que recebeu na área e mandou no travessão. 
Dois minutos depois, aos 32 minutos, o time do CSA conseguiu virar o jogo. Com um dos destaques da partida, o volante Dawhan, que arriscou de fora da área, a bola acabou desviou no lateral Dick, e foi para o fundo das redes. Apesar do desvio, o árbitro da partida assinalou o gol para o volante azulino.
Depois do gol, a equipe azulina ainda teve boas chances para ampliar o placar, mas desperdiçou as chances e a partida acabou desta forma, com a equipe azulina vencendo e retornando à liderança da Série C.


CSA vence o Botafogo-PB e reassume a liderança isolada na Série C
Depois de três empates seguidos, azulão voltou a vencer na Terceirona             
NM com Márcio Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA