Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Com Bia e Branca Feres, Brasil terá irmãos gêmeos nos Jogos pela 4ª vez

Pela primeira vez na história, os Jogos Olímpicos contarão com a participação de trigêmeos: são as maratonistas Leila, Liina e Lily Luik, da Estônia, classificadas para o Rio 2016. No caso do Brasil, outra marca expressiva envolvendo irmãos será alcançada em agosto: Bia e Branca Feres, do nado sincronizado, serão o quarto caso de gêmeos a representarem o país em Olimpíadas.
As irmãs cariocas, bronze por equipes nos Jogos Pan-americanos Rio 2007, estão confirmadas no conjunto brasileiro que disputará os Jogos Olímpicos em agosto e farão sua estreia no evento. 
Os primeiros irmãos gêmeos brasileiros nas Olimpíadas foram Aluísio e Arnaldo Marsili, do polo aquático. Eles integraram a seleção na Cidade do México, em 1968. Na mesma edição dos Jogos, o Brasil também contou com os velejadores Axel e Erik Schmidt, tios de Torben e Lars Grael. Ambos estiveram também em Munique 1972. Os dois, por sinal, têm no currículo a medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos Chicago 1959 e a prata em São Paulo 1963. 
Por fim, Carolina e Isabela de Moraes, também do nado sincronizado, defenderam o Time Brasil nas Olimpíadas de Sydney 2000 e Atenas 2004. Nas duas ocasiões, elas conseguiram a classificação para a final e terminaram na décima segunda colocação.
Delegação de nado sincronizado do Brasil no Mundia esportes aquaticos (Foto: Reprodução)
Bia e Branca integraram a seleção brasileira no Mundial de Esportes Aquáticos, em Kazan, em 2015 (Foto: Reprodução)

Nenhum comentário:

Postar um comentário