Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 7 de maio de 2017

Sequência: cinco jogadores podem ser tricampeões com CRB neste domingo

FOTO: AILTON CRUZ
CRB tenta manter a hegemonia no futebol alagoano no próximo domingo. Diante do CSA, o Galo disputa sua sexta final de estadual seguida. Os números são favoráveis. Neste período, foram quatro conquistas (2012, 2013, 2015 e 2016), com excessão de 2014, quando foi derrotado pelo Coruripe e deixou escapar a chance de levantar a taça por três anos consecutivos. A equipe tem novamente a chance e conta para isso com alguns atletas que colecionam faixas no clube.

O grupo do CRB que disputa a edição deste ano do Campeonato Alagoano tem cinco jogadores remanescentes do título de 2015 e 2016 (confira as escalações no fim da matéria). Alguns estão no clube por mais tempo, como o zagueiro Audálio, campeão em 2013. Ao lado do defensor estão o companheiro de posição Gabriel, os goleiros Bruno e Juliano, e o meio-campista Bruno Nascimento. Todos podem conquistar o tricampeonato neste domingo. Suspenso por doping, o volante Olívio esteve presente no bi, mas não pôde ser inscrito no estadual deste ano.

O zagueiro Gabriel é o único jogadores entre os cinco que foi titular nas últimas duas finais. O experiente defensor, de 33 anos, tem sido sinônimo de eficiência. Foi peça importante nos sistemas defensivos de Alexandre Barroso e Mazola Júnior, ex-técnicos do Galo, e segue assim com Léo Condé. Referência no elenco regatiano, Audálio também participou das decisões. Em 2015, diante do Coruripe, entrou em campo no segundo tempo, e ano passado atuou os 90 minutos contra o CSA.
O goleiro Juliano viu o titulo do CRB em 2015 do banco de reservas, era o reserva de Júlio César. Porém, em 2016, foi decisivo na final diante do CSA ao defender um chute de longe do lateral azulino Henrique Choco. Além dele, Bruno e o meia Bruno Nascimento estiveram integrados ao elenco bicampeão nos últimos dois anos, mas ambos não participaram das finais do Alagoano. Para ser tricampeão neste domingo, o clube alvirrubro precisa apenas de um empate, pois venceu a primeira partida por 1 a 0. O jogo está marcado para as 16h, no Estádio Rei Pelé. 

Confira abaixo as escalações do CRB nas finalíssimas de 2015 e 2016:

CRB 2 x 0 Coruripe (final de 2015): Júlio César; Paulo Sérgio (Maranhão), Daniel Marques, Gabriel e Gleidson Souza; Olívio, Glaydson Almeida, Clebinho (Audálio) e Fernando; João Henrique (Morais) e Zé Carlos. Técnico: Alexandre Barroso.
Banco: Bruno, Juliano, João Paulo, Kenedy, Johnnattan, Bruno Nascimento, Dudu e Maxwell.

CSA 0 x 1 CRB (final de 2016): Juliano, Bocão, Audálio, Gabriel e Diego; Olívio, Somália (Luiz Fernando), Rivaldo e Marcos Aurélio (Galdezani); Luidy e Lúcio Maranhão (Neto Baiano). Técnico: Mazola Júnior
Banco: Júlio César, Rafinha, Diego Jussani, André Vinícius, Marcos Martins, Gleidson Souza, Érico Júnior e Bruno Nascimento.

NM com Globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA SOLIDÁRIO