Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 22 de setembro de 2019

Carlinhos marca um golaço, e CSA bate o Ceará no Rei Pelé

O CSA confirmou a reação no Campeonato Brasileiro. Na abertura do returno, venceu neste domingo o Ceará por 1 a 0, no Rei Pelé, e chegou a 19 pontos. Deixou a zona do rebaixamento nesta 20ª rodada. O gol da partida foi marcado pelo lateral-esquerdo Carlinhos, que acertou um chutaço na gaveta aos 18 minutos do segundo tempo. Vozão fica nos 22 pontos.

O lateral-esquerdo Carlinhos, de 32 anos, estava discreto no jogo. Eis que aos 18 minutos do segundo tempo ele deixou sua marca no Rei Pelé. Recebeu pela esquerda, driblou o marcardor e, de perna direita, acertou um chutaço, no ângulo de Lucas França. Foi o único gol da partida.

O duelo desta tarde foi válido pela 20ª rodada do Brasileirão. E o gol do CSA foi assinalado por Carlinhos, aos 18 minutos da etapa final, um golaço que levou a torcida azulina à loucura nas arquibancadas. Destaque também para o goleiro Jordi, que fez grandes defesas e salvou o time azulino em vários momentos da partida

No finalzinho houve um tumulto em campo, com jogadores das duas equipes se estranhando e trocando empurrões. O saldo foi de quatro cartões amarelos distribuídos para Dawhan (CSA), Thiago Galhardo e Lima (Ceará) e até para o técnico do Azulão, Argel Fucks, que participou da confusão. 
O próximo duelo do CSA será fora de casa, na quinta-feira (26), contra o Palmeiras, às 19h15, no Pacaembu. E o Ceará vai receber o Cruzeiro, no Castelão, um dia antes, às 19h30.  
FICHA TÉCNICA 
CSA - Jordi; Apodi, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo (Jean Kléber), Dawhan, João Vitor e Jonatan Gómez; Alecsandro (Ricardo Bueno) e Héctor Bustamante (Bruno Alves). Técnico: Argel Fucks.

Ceará - Lucas França; Cristóvam, Valdo, Tiago Alves e João Lucas; Fabinho, William Oliveira (Matheus Gonçalves), Lima e Thiago Galhardo; Leandro Carvalho (Wescley) e Felippe Cardoso (Bergson). Técnico: Enderson Moreira.
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (CBF-MG).Auxiliares: Sidmar dos Santos Meurer (CBF-MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (CBF-MG).

Nenhum comentário:

Postar um comentário