Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 25 de agosto de 2019

CSA enfrenta o Cruzeiro no Rei Pelé em novo confronto direto pela Série A

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS
Voltar a marcar e ainda quebrar o jejum de oito jogos sem vitória na última rodada contra o Fluminense, não só deu um novo gás ao CSA como deixou o Azulão em boas condições para deixar a zona de rebaixamento da Série A nas próximas partidas. Para isso, o Azulão precisará bater o Cruzeiro, neste domingo (25), às 19h, no Rei Pelé, em mais um confronto direto pelo Brasileiro. 
Com onze pontos, os marujos poderão subir apenas duas posições, deixando a vice-lanterna e assumindo a 17ª colocação na tabela, em caso de vitória no Trapichão. Com 14 pontos, a Raposa é o primeiro clube fora do Z4, aparecendo em 16º, mas como tem nove gols a mais de saldo que o CSA, irá permanecer à frente dos alagoanos nesta rodada.
Azulão vem de vitória sobre o Fluminense no Maracanã por 1 a 0
FOTO: JAYSON BRAGA/PARCEIRO/AGÊNCIA























No entanto, uma derrota em Maceió poderá fazer os mineiros entrarem na zona de rebaixamento da competição. Com treze pontos, a Chapecoense é a única que tem chances de ultrapassar o Cruzeiro se vencer o Botafogo, nesta segunda-feira (26), às 20h, no Engenhão.
Mudanças no Azulão
A formação com três volantes adotada contra o Fluminense agradou o técnico Argel Fucks e o treinador azulino vai manter o esquema para enfrentar o Cruzeiro, logo mais. No entanto, Argel optou em fazer três alterações na equipe em relação ao jogo anterior, sacando Apodi da lateral-direita e improvisando Dawhan na posição.
Na vaga do volante no meio-campo, Jean Kléber será utilizado, atuando ao lado de Naldo e João Vitor. No ataque, o paraguaio Hector Bustamante ganhou a vaga de Maranhão e começa jogando. A baixa no time será o centroavante Ricardo Bueno, que sofreu uma fratura no nariz durante o treino da última quarta-feira e vai ficar afastado dos gramados por três semanas.
Argel Fucks antecipou a escalação do CSA na última sexta-feira com três volantes 
FOTO: AUGUSTO OLIVEIRA/R. CORTEZ/CSA























Recuperado de lesão, o lateral-direito Celsinho tem chances de ficar no banco de reservas. Já o meia Didira, livre de suspensão, também fica como opção para o decorrer da partida.
O CSA vai a campo com Jordi; Dawhan, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo, João Vitor, Jean Kléber e Jonatan Gómez; Hector Bustamante e Alecsandro.
Cruzeiro desfalcado
A vitória sobre o líder Santos na estreia do técnico Rogério Ceni recolocou o Cruzeiro no campeonato, dando esperanças de dias melhores para o torcedor alviceleste. O time mineiro encerrou a preparação na Toca da Raposa, na manhã desse sábado e desembarcou em Maceió no final da na noite.
Rogério Ceni tem problemas na zaga para o confronto com o CSA
FOTO: VINNICIUS SILVA/CRUZEIRO























Para o jogo, Ceni não contará com a dupla de zaga titular. Léo segue entregue ao departamento médico com um problema na coxa direita, enquanto Dedé não está com a melhor forma física e é dúvida. Sem eles, é provável que o treinador opte por Fabrício Bruno e o jovem Cacá no miolo de zaga. 
O lateral Dodô também deve continuar improvisado no meio-campo da Raposa e Pedro Rocha deve ser a referência no ataque. O Cruzeiro deve enfrentar o CSA com Fábio; Orejuela, Dedé (Cacá), Fabricio Bruno e Egidio; Henrique, Dodô, Marquinhos Gabriel, Thiago Neves e David; e Pedro Rocha.
Arbitragem do Rio
Carioca Marcelo de Lima Henrique apita CSA x Cruzeiro no Rei Pelé
FOTO: FERNANDO DANTAS/GAZETA PRESS























O carioca Marcelo de Lima Henrique (CBF) apita o confronto no Rei Pelé. Ele será auxiliado por Luiz Claudio Regazone (CBF/RJ) e Nailton Júnior de Souza Oliveira (CBF/CE).
Já a arbitragem de vídeo ficará a cargo de um trio carioca. João Batista de Arruda (CBF/RJ) comanda o VAR, sendo auxiliado por Pathrice Wallace Corrêa Maia (CBF/RJ) e Silbert Faria Sisquim (CBF/RJ).
NM com Isaac Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário