Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

quinta-feira, 18 de julho de 2019

CSA tenta acertar dupla de ataque no Brasileiro; confira as formações até a 10ª rodada

Foto: Augusto Oliveira/CSA
O saldo de gols do CSA no Brasileiro preocupa o torcedor. Em dez rodadas, o time só marcou três vezes. É a equipe com o pior ataque da Série A, e perde até para o Avaí, lanterna da competição, que tem quatro.

O CSA ainda não fixou uma formação para o ataque, e as mudanças foram a cada partida. Para sábado, contra o Athletico-PR, Argel Fucks estuda colocar Cassiano, Ricardo Bueno e Alecsandro, até para aumentar a força ofensiva do time. Maranhão também pode entrar nesse trio.

Na estreia, contra o Ceará, Robinho e Patrick Fabiano iniciaram o jogo. Sem criatividade, o Azulão sofreu e foi goleado por 4 a 0.

Na segunda rodada, o adversário foi o Palmeiras, no Rei Pelé. Madson e Cassiano iniciaram a partida, mas o gol azulino foi marcado por Matheus Sávio, que começou no banco de reservas e entrou no lugar de Maidana. O placar do jogo foi 1 a 1.

Contra o Santos, o técnico Marcelo Cabo repetiu a formação, com Madson e Cassiano no ataque. Durante a partida, Victor Paraíba entrou no lugar de Naldo, e foi dele a grande chance do CSA no jogo. Ele se livrou do goleiro Vanderlei, mas finalizou pra fora.

Sem vencer no Brasileiro, o CSA enfrentou o Avaí, fora de casa. O setor de ataque seguiu com Madson e Cassiano. Mas, desta vez, Marcelo Cabo apostou em Maranhão, Robinho e Victor Paraíba no decorrer do jogo. A partida terminou 0 a 0.
Foto: Diego Vara/BP Filmes
Na derrota para o Internacional por 2 a 0, Madson e Patrick Fabianoiniciaram a partida em Porto Alegre. Gersinho, Victor Paraiba e Maranhão entraram durante o jogo, mas outra vez o time passou em branco.

A primeira vitória do CSA no Brasileiro veio somente na sexta rodada, contra o Goiás, no Rei Pelé. Maranhão foi autor do gol. Patrick Fabianocomeçou o jogo como homem de referência no ataque. Victor Paraíba e Cassiano entraram durante a partida.

Irreconhecível, o CSA foi goleado pelo Atlético-MG por 4 a 0, em jogo válido pela sétima rodada. Patrick Fabiano mais uma vez foi escalado no ataque. Marcelo Cabo tentou repetir a estratégia do jogo anterior e colocou Cassiano e Victor Paraíba no decorrer da partida.

Na derrota por 2 a 1, de virada, para o Botafogo, no Rei Pelé, Cassianofoi o centroavante. Maranhão jogou avançado, mas saiu para a entrada de Madson. Robinho também entrou no decorrer da partida.

Antes da parada para a Copa América, o adversário foi Flamengo. A dupla de ataque foi formada por Victor Paraíba e Cassiano. Gersinho e Maranhão entraram no jogo.

Com a chegada do técnico Argel Fucks, o time procura uma formação ideal para fugir da zona do rebaixamento. Nesse domingo, contra o Corinthians, o treinador apostou na dupla Alecsandro e Ricardo Buenono ataque, mas não deu resultado: o CSA perdeu por 1 a 0.

NM com Globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário