Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

sábado, 27 de julho de 2019

CRB aproveita falhas do Botafogo-SP, vence por 2 a 0 e encosta no G4 da Série B

FOTO: THIAGO CALIL-AGIF-ESTADAO-CONTEÚDO
O CRB foi paciente, soube aproveitar as falhas do Botafogo-SP e venceu o Tricolor por 2 a 0, na noite desta sexta-feira (26) no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto-SP, pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Ferrugem e Felipe Ferreira anotaram os gols do Galo na etapa final da partida e garantiram a segunda vitória consecutiva do Regatas na Segundona.
O resultado fez o Galo encostar no G4 da Série B, chegando aos 19 pontos e assumindo momentaneamente a 7ª posição da tabela. Neste sábado (27), os regatianos terão que secar a Ponte Preta (8º com 19 pontos) e o Figueirense (10° com 17 pontos), que ainda jogam no complemento da rodada, para não serem ultrapassados. A derrota em casa fez o Botafogo estacionar nos 20 pontos e cair uma posição: 5º colocado.
Na próxima rodada, o CRB volta a atuar em Maceió, diante de seu torcedor. O Galo recebe a visita do Oeste, às 20h30, no Estádio Rei Pelé. Um dia antes, o Botafogo-SP vai até Curitiba, encarar o Coxa, às 20h, no Couto Pereira.
Poucas chances
Quando a bola rolou foi o Botafogo-SP que buscou a iniciativa. Logo no primeiro minuto, Naylhor aproveitou escanteio da direita e, livre de marcação, testou forte, obrigando Edson Mardden a defender em dois tempos.
Botafogo-SP 0x2 CRB
Confira os melhores momentos da partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B

Sem Willians Santana em campo, Chamusca optou pelo volante Ferrugem para flutuar no meio regatiano. Enquanto isso, o Pantera apostava na ginga do atacante Felipe Saraiva, atuando nas costas do lateral-direito Daniel Borges, do CRB.
Fechadinho, o Regatas não dava espaços e restava ao Tricolor, os chutes de longa distância. Aos 10 minutos, Murilo arriscou de perna direita e a bola passou raspando a trave de Edson Mardden. A resposta alagoana veio três minutos depois, quando Ferrugem cobrou falta com estilo e a redonda por pouco não morreu no cantinho direito de Darley.
Apesar dos erros, jogo foi "brigado" nesta sexta-feira
FOTO: RAUL RAMOS/AGÊNCIA BOTAFOGO
























A partida seguiu equilibrada até os 30 minutos iniciais, mas depois perdeu a intensidade. Sem muito repertório, as equipes abusaram de erros de passes e muitas faltas. O último lance de perigo veio com o veloz Felipe Saraiva, já aos 46 minutos. Ele recebeu do lado esquerdo, arriscou forte e a bola passou perto do ângulo superior direito de Mardden e foi para fora.
Ferrugem decide e CRB é cirúrgico!
Na segunda etapa, o jogo seguiu truncado, com poucas chances, mas o CRB soube ser paciente e, com muita inteligência, foi cirúrgico aproveitando duas falhas da marcação paulista para levar os três pontos. 
CRB fez um jogo de forte marcação e aproveitou as falhas do Botafogo-SP para vencer em Ribeirão Preto
FOTO: THIAGO CALIL-AGIF-ESTADAO-CONTEÚDO

























O placar poderia ter sido construído com mais facilidade e cedo, mas Léo Ceará não soube aproveitar a bola açucarada de Ferrugem aos nove minutos. Ele recebeu livre de marcação, na marca do pênalti e, apesar de ter tempo para ajeitar o corpo e escolher o canto, acabou chutando por cima do gol de Darley.
Aliás, Ferrugem seria decisivo para a construção da vitória regatiana no Santa Cruz. Aos 24 minutos, ele cobrou falta com muito veneno e obrigou Darley a socar a redonda para fora da área. Já aos 31, o volante mostrou que a noite era dele: Naylhor tentou recuar a bola para o companheiro, errou, e Alisson Farias aproveitou para invadir a área e servir o volante do Galo, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes: CRB 1x0.
O gol deu tranquilidade ao Galo, que passou a jogar fechadinho, esperando o tempo passar e uma última oportunidade. Ela veio aos 46 minutos e com participação direta de Ferrugem: ele cruzou da direita, Lucas Mendes tentou cortar, mas acabou mandando nos pés de Felipe Ferreira, que dominou e colocou a redonda no canto direito de Darley, dando números finais a partida: Galo 2x0. 
Jogadores e comissão técnica regatiana comemoram nos vestiários a vitória fora de casa
FOTO: DIVULGAÇÃO/CRB
























Botafogo-SP: Darley; Lucas Mendes, Didi, Naylhor e Pará; Higor Meritão, Marlon Freitas, Nadson (Ronald) e Murilo (Erick Luís); Felipe Saraiva (Rafael Costa) e Henan.

Técnico: Roberto Cavalo

CRB: Edson Mardden (Fernando Henrique); Daniel Borges, Victor Ramos, Wellington Carvalho e Igor; Claudinei, Lucas Abreu (Éwerton Páscoa) e Ferrugem; Willie (Felipe Ferreira), Alisson Farias e Léo Ceará.

Técnico: Marcelo Chamusca

NM com Isaac Simões 

Nenhum comentário:

Postar um comentário