Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

terça-feira, 21 de maio de 2019

ASA se aproxima de classificação na Série D após início de temporada frustrante

FOTO: SAMY OLIVEIRA/CAMPINENSE
A vitória sobre o Campinense, por 2x1, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, ao que parece, colocou o ASA numa boa maré de resultados. Pela primeira vez na temporada, o Alvinegro emplacou dois triunfos consecutivos e se configurou como um dos postulantes a avançar de fase no Grupo A7 do Campeonato Brasileiro da Série D.
O início de 2019 para o Alvinegro foi de instabilidade e sem direção. Durante a sete rodadas do Campeonato Alagoano, venceu apenas um jogo, empatou quatro e perdeu dois. A campanha desastrosa fez o time terminar o Estadual na sétima posição, com sete pontos, três a mais que o Dimensão Capela, rebaixado à segunda divisão de 2020.
Além da façanha de duas vitórias seguidas, o time arapiraquense já superou a campanha na Quarta Divisão Nacional obtida em 2018. Naquele ano, em seis rodadas, a equipe conseguiu apenas quatro pontos e amargou a última posição do Grupo A7.
Campanha de 2019 na Série D, ultrapassa toda a participação do ASA na competição na temporada passada
FOTO: VICTOR HUGO/ASCOM ASA






















Com três partidas pela frente para acabar fase de grupos da Série D, o ASA precisará, ao menos, vencer mais uma partida para conseguir chegar ao mata-mata da competição. Os seis pontos já somados, juntos a mais três conquistados, o time de Arapiraca poderá se classificar entre os 15 melhores segundos colocados. Ou então, a depender da líder Jacuipense, com nove pontos, podendo alcançar a ponta da chave. 
Na segunda colocação do grupo, o próximo desafio do ASA pela 4ª rodada da Série D é contra o Campinense, em Campina Grande, no Estádio Ernâni Satyro, o Amigão, no próximo domingo (26), às 16 horas. 
"Vamos trabalhar ainda mais que possamos vencer fora de casa e conquistar a classificação para estarmos na Série C, onde o ASA merece estar", afirmou o técnico Nêdo Xavier. Essa será a segunda vez quem o Alvinegro voltará a jogar fora de casa na competição. Na estreia foi derrotado pela Jacuipense, por 2x0.
Ir longe na Série D do Brasileiro tem um peso ainda maior porque o ASA não tem vaga garantida para a edição em 2020. Sem ter chegado a fase semifinal do Estadual, resta apenas garantir o acesso à Série C para seguir no cenário do futebol nacional na próxima temporada. Caso contrário, a cidade Arapiraca ficará sem representante, de fora da disputa de Campeonatos Brasileiros por, no mínimo, dois anos. 
NM com Maurício Manoel

Nenhum comentário:

Postar um comentário