Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 24 de fevereiro de 2019

ASA vence por 1x0, larga a lanterna e tira o CRB da liderança do Estadual

FOTO: DOUGLAS ARAÚJO/ASCOM CRB

Foi no sufoco, mas a primeira vitória do ASA veio! Na tarde deste domingo (24), o Alvinegro recebeu o CRB no Coaracy da Mata Fonseca e garantiu a sobrevida no Campeonato Alagoano. O único gol da partida marcado pelo estreante zagueiro Luis Eduardo fez o Fantasma saltar para a sexta posição na tabela e a um ponto do G4. O CRB, por sua vez, que ainda estava invicto na temporada, sofreu o primeiro revés e caiu para a segunda posição no Estadual.
A derrota em Arapiraca também fez o técnico Roberto Fernandes perder os 15 jogos de invencibilidade que perdurava desde a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B de 2018. Na próxima rodada do Estadual, o Galo vai encarar o Dimensão Capela, que caiu para a lanterna do Alagoano. Já o ASA terá pela frente mais um clássico, desta vez contra o CSA.


Partida começou truncada, com as duas equipes tentando furar a marcação adversária
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB
























O JOGO
A partida era tensa para o ASA. Uma vitória poderia retirar a equipe da zona de rebaixamento, mas um placar sem ser o de vitória poderia afundar o time alvinegro na última posição da tabela. Pensando justamente em se livrar do inferno, o time comandado por Nêdo Xavier foi o primeiro a agredir.

Aos 3 minutos, o lateral direito Marcelo cobrou um lateral no meio da área. A redonda sobrou para Gabriel que sozinho, chutou no canto e Edson Mardden se esticou todo para defender. No rebote, Dinda mandou para o fundo das redes, mas a arbitragem assinalou impedimento.

A partida seguiu sem muita emoção e os goleiros eram meros espectadores. Somente de bola parada era quem as equipes conseguiam, de fato, entrar na área. Aos 10, Hugo Sanches cobrou no meio da confusão e a defensiva arapiranquese afastou o perigo. 


Jogadores de ASA e CRB continuavam disputando cada centímetro de campo; marcação forte era a tônica do jogo
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB























Quatro minutos depois foi a vez do CRB chegar com certo perigo. Danilinho achou Hugo Sanches dentro da área, o baixinho seguindo com a bola e chutou cruzado. O goleiro Marcão fez a primeira grande defesa para o ASA. Aos 21, pelo alto, veio o ASA com perigo. Escanteio de Léo Campos na cabeça de Ciel, o veterano tirou tinta do poste do goleiro Edson Mardden. 

Aos 25, o Galo respondeu ocupando o campo de ataque. Depois da troca de figurinhas entre Zé Carlos e Hugo Sanches, Felipe Menezes pegou na entrada da área, chutou e carimbou a defesa do ASA. E tome resposta do alvinegra aos 34. Em cobrança de falta, Léo Campos bateu direto para o gol, tentando surpreender Mardden, mas a bola passou por cima da barreira e tocou no ferro que sustenta a rede. 

Na sequência foi a vez de William Barbio chamar a responsabilidade. Aos 36 e 42, o atacante fez boas jogadas e causou um reboliço na defensiva do ASA. O último ataque da primeira etapa veio nos pés dos alvinegros. Aos 44, bela jogada individual de Ciel pela esquerda, que passou para Gabriel. O atacante pegou na entrada da área e soltou um balaço! Edson Mardden salvou o Galo de levar o gol.


Ciel comandou o ataque do ASA na partida difícil contra o CRB; experiência do boleiro contou bastante para a manutenção da posse de bola
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB
























Na segunda etapa o ASA veio disposto, sim, a fazer o gol que lhe garantiria a sobrevida no Campeonato Alagoano. Logo aos 4 minutos, Léo Campos cruzou a bola na área do Galo, a redonda passou por todo mundo, bateu no chão e acerta o travessão dos alvirrubros. 

Só que na jogada de ataque seguinte não teve jeito. Gabriel pegou a bola na entrada da área e ganhou escanteio. Como de praxe, Léo Campos cobrou na cabeça de alguém. Desta vez foi na do estreante Luiz Eduardo, que se antecipou no primeiro pau e venceu Mardden aos 15 minutos: 1x0. 

O ASA estava curtindo a vantagem no placar e administrando bem o resultado, quando aos 23, o volante Natan dividiu a jogada com força desproporcional, acertou Hugo Sanches na cabeça, recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Depois disso, os alvinegros viram o ataque do CRB inflamar.


Atrás do marcador, atacante William Barbio era o mais acionado no setor de ataque do CRB
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB























Aos 30, William Barbio desceu pela esquerda, rolou para Polaco, que corta para o meio e chutou no canto esquerdo. O goleiro Marcão mostrou que tava ligado e não deu rebote. Dois minutos mais tarde, Ciel cometeu falta em cima de Barbio. Felipe Menezes cobrou no meio da área, mas a defensiva do ASA afastou.

O time alvinegro esperava acertar um contra-ataque para chegar ao segundo gol, e aos 34 quase que ele chegou. Ciel seguiu com a bola pela direita de ataque e cruzou na cabeça de Betinho. O centroavante errou o tempo da bola e desperdiçou a chance de ampliar o marcador. No mesmo minuto, Polaco mostrou o quão é fominha. O jogador fintou dois marcadores, Danilinho esperava o passe na direita, mas ao invés de passar a redonda, resolveu finalizar, Marcão não teve problemas para impedir o empate.

No abafa, já aos 44 minutos, o CRB continuou a sufocar o ASA. Felipe Menezes mandou na cabeça de Zé Carlos, que cabeceou no cantinho e Marcão faz uma defesaça! A bola ainda beijou a trave antes de voltar para as mãos do goleirão alvinegro! E lá se foi a última chance de perigo. Fim de papo no Fumeirão com a primeira vitória do ASA e primeira derrota do CRB na temporada. 



NM com Maurício Manoel

Nenhum comentário:

Postar um comentário