Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

domingo, 24 de fevereiro de 2019

ASA vence por 1x0, larga a lanterna e tira o CRB da liderança do Estadual

FOTO: DOUGLAS ARAÚJO/ASCOM CRB

Foi no sufoco, mas a primeira vitória do ASA veio! Na tarde deste domingo (24), o Alvinegro recebeu o CRB no Coaracy da Mata Fonseca e garantiu a sobrevida no Campeonato Alagoano. O único gol da partida marcado pelo estreante zagueiro Luis Eduardo fez o Fantasma saltar para a sexta posição na tabela e a um ponto do G4. O CRB, por sua vez, que ainda estava invicto na temporada, sofreu o primeiro revés e caiu para a segunda posição no Estadual.
A derrota em Arapiraca também fez o técnico Roberto Fernandes perder os 15 jogos de invencibilidade que perdurava desde a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B de 2018. Na próxima rodada do Estadual, o Galo vai encarar o Dimensão Capela, que caiu para a lanterna do Alagoano. Já o ASA terá pela frente mais um clássico, desta vez contra o CSA.


Partida começou truncada, com as duas equipes tentando furar a marcação adversária
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB
























O JOGO
A partida era tensa para o ASA. Uma vitória poderia retirar a equipe da zona de rebaixamento, mas um placar sem ser o de vitória poderia afundar o time alvinegro na última posição da tabela. Pensando justamente em se livrar do inferno, o time comandado por Nêdo Xavier foi o primeiro a agredir.

Aos 3 minutos, o lateral direito Marcelo cobrou um lateral no meio da área. A redonda sobrou para Gabriel que sozinho, chutou no canto e Edson Mardden se esticou todo para defender. No rebote, Dinda mandou para o fundo das redes, mas a arbitragem assinalou impedimento.

A partida seguiu sem muita emoção e os goleiros eram meros espectadores. Somente de bola parada era quem as equipes conseguiam, de fato, entrar na área. Aos 10, Hugo Sanches cobrou no meio da confusão e a defensiva arapiranquese afastou o perigo. 


Jogadores de ASA e CRB continuavam disputando cada centímetro de campo; marcação forte era a tônica do jogo
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB























Quatro minutos depois foi a vez do CRB chegar com certo perigo. Danilinho achou Hugo Sanches dentro da área, o baixinho seguindo com a bola e chutou cruzado. O goleiro Marcão fez a primeira grande defesa para o ASA. Aos 21, pelo alto, veio o ASA com perigo. Escanteio de Léo Campos na cabeça de Ciel, o veterano tirou tinta do poste do goleiro Edson Mardden. 

Aos 25, o Galo respondeu ocupando o campo de ataque. Depois da troca de figurinhas entre Zé Carlos e Hugo Sanches, Felipe Menezes pegou na entrada da área, chutou e carimbou a defesa do ASA. E tome resposta do alvinegra aos 34. Em cobrança de falta, Léo Campos bateu direto para o gol, tentando surpreender Mardden, mas a bola passou por cima da barreira e tocou no ferro que sustenta a rede. 

Na sequência foi a vez de William Barbio chamar a responsabilidade. Aos 36 e 42, o atacante fez boas jogadas e causou um reboliço na defensiva do ASA. O último ataque da primeira etapa veio nos pés dos alvinegros. Aos 44, bela jogada individual de Ciel pela esquerda, que passou para Gabriel. O atacante pegou na entrada da área e soltou um balaço! Edson Mardden salvou o Galo de levar o gol.


Ciel comandou o ataque do ASA na partida difícil contra o CRB; experiência do boleiro contou bastante para a manutenção da posse de bola
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB
























Na segunda etapa o ASA veio disposto, sim, a fazer o gol que lhe garantiria a sobrevida no Campeonato Alagoano. Logo aos 4 minutos, Léo Campos cruzou a bola na área do Galo, a redonda passou por todo mundo, bateu no chão e acerta o travessão dos alvirrubros. 

Só que na jogada de ataque seguinte não teve jeito. Gabriel pegou a bola na entrada da área e ganhou escanteio. Como de praxe, Léo Campos cobrou na cabeça de alguém. Desta vez foi na do estreante Luiz Eduardo, que se antecipou no primeiro pau e venceu Mardden aos 15 minutos: 1x0. 

O ASA estava curtindo a vantagem no placar e administrando bem o resultado, quando aos 23, o volante Natan dividiu a jogada com força desproporcional, acertou Hugo Sanches na cabeça, recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Depois disso, os alvinegros viram o ataque do CRB inflamar.


Atrás do marcador, atacante William Barbio era o mais acionado no setor de ataque do CRB
FOTO: GUSTAVO HENRIQUE/ASCOM CRB























Aos 30, William Barbio desceu pela esquerda, rolou para Polaco, que corta para o meio e chutou no canto esquerdo. O goleiro Marcão mostrou que tava ligado e não deu rebote. Dois minutos mais tarde, Ciel cometeu falta em cima de Barbio. Felipe Menezes cobrou no meio da área, mas a defensiva do ASA afastou.

O time alvinegro esperava acertar um contra-ataque para chegar ao segundo gol, e aos 34 quase que ele chegou. Ciel seguiu com a bola pela direita de ataque e cruzou na cabeça de Betinho. O centroavante errou o tempo da bola e desperdiçou a chance de ampliar o marcador. No mesmo minuto, Polaco mostrou o quão é fominha. O jogador fintou dois marcadores, Danilinho esperava o passe na direita, mas ao invés de passar a redonda, resolveu finalizar, Marcão não teve problemas para impedir o empate.

No abafa, já aos 44 minutos, o CRB continuou a sufocar o ASA. Felipe Menezes mandou na cabeça de Zé Carlos, que cabeceou no cantinho e Marcão faz uma defesaça! A bola ainda beijou a trave antes de voltar para as mãos do goleirão alvinegro! E lá se foi a última chance de perigo. Fim de papo no Fumeirão com a primeira vitória do ASA e primeira derrota do CRB na temporada. 



NM com Maurício Manoel

Nenhum comentário:

Postar um comentário