Image Map
Image Map
Image Map

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Demos um passo importante, mas não foi nada mais que isso", diz goleiro do CRB

FOTO: MAURICIO MANOEL

O CRB vem de uma vitória importante sobre o Londrina. Isso todo mundo já sabe. Sabe também que a definição sobre se o Galo seguirá ou não na próxima edição da Série B só sairá no próximo sábado (24), no jogo contra o Figueirense, no Estádio Rei Pelé, pela última rodada da competição.
O Figueira é o 13º colocado na tabela, com 46 pontos, uma posição e um ponto à frente do Regatas. O time de Santa Catarina vem de derrota para o Paysandu, por 3 a 2. Já o Galo venceu o Londrina, por 2 a 1. Em entrevista ao repórter Marcelo Rocha, no CT Ninho do Galo, nessa segunda-feira, 19, falando sobre esta semana cheia de preparação e sobre a expectativa para este "jogo da vida" do CRB, o goleiro João Carlos afirmou que o time deu um passo importante na luta contra o rebaixamento, mas que essa vitória não resolveu a situação do Galo na competição.
"Minha expectativa é uma semana de muito foco, responsabilidade e muito trabalho, porque a gente deu realmente um passo importante, mas não foi nada mais do que um grande passo, e não resolveu a nossa situação ainda. Nos credenciou para uma situação bem mais favorável do que se a gente não tivesse conseguido o resultado lá em Londrina", afirmou.
Ele revelou que ontem o grupo já teve uma boa conversa com o técnico Roberto Fernandes em relação à grande responsabilidade que o time terá no sábado. "Foi uma cobrança da nossa responsabilidade para o fim de semana. A gente sabe que, enquanto tiver chance de cair, a gente tem que ficar ligado, focado, e sempre trabalhar para conseguir a vitória e tirar o CRB dessa situação".
A vitória sobre o Londrina deixou os torcedores regatianos eufóricos e confiantes na permanência do time na Segundona nacional. Eles estão otimistas quanto a essa permanência. Mas, cuidadoso, o goleiro regatiano fez um alerta: disse que tal empolgação é apenas para a torcida e que os jogadores não podem entrar nessa euforia.
"O torcedor pode fazer o que ele quiser. Na verdade, é até bom que os torcedores estejam otimistas. A gente fica feliz porque eles estão vendo qualidade no time, garra. Então, fico feliz que eles estejam empolgados. Mas essa empolgação não pode passar de lá para cá. Nós, jogadores, sabemos da responsabilidade, sabemos que não vai ser um jogo fácil, que o Figueirense tem mínimas chances, mas tem, de não permanecer. A gente vai procurar fazer o melhor possível, e que esse melhor seja com a vitória, para a gente escapar de vez (da degola) e escapar com uma vitória vai ser importante porque a gente precisa honrar o nome do CRB, sair daqui com a dignidade de que a gente deixou o CRB, no mínimo, no mesmo lugar que a gente pegou (a Série B)", disse João Carlos.
Ele também comentou sobre os perigos deste jogo decisivo e do adversário. "A equipe do Figueirense não vem numa boa sequência, mas a gente tem que pensar que a gente cria expectativas e, de repente, acontece alguma coisa e pode mudar totalmente o jogo. Então, temos que ficar atentos a isso para não sofrer desde o início, não tomar um revés no início da partida. É tentar impor nosso futebol em casa, porque a nossa equipe é muito boa e acredito que se a gente jogar para vencer, se jogar bem para cima, a nossa chance é bem maior".
João Carlos afirmou que esperava que a situação do CRB se resolvesse na rodada passada, mas não deu. "Ficou acirrada (a disputa na Série B). Os times de baixo (na tabela) ganharam força, mas a gente também vem de vitória e de uma arrancada impressionante. E melhor: estamos numa situação que só depende de nós. Mas vamos ter responsabilidade, porque sabemos que os times que estão abaixo da gente estão empolgados e temos que ter cuidado, ter a responsabilidade de saber que precisamos de qualquer jeito fazer a nossa parte em casa", observou, acrescentando que só vai ficar tranquilo quando passar o jogo de sábado e conseguir a permanência na Série B.
"Conseguindo, a luta vai ter valido muito à pena. Se não conseguir, de nada vai ter adiantado. Então, só tô pensando neste jogo e a gente precisa somente de mais uma vitória", encerrou.
NM com Fernanda Medeiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário