Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

sexta-feira, 5 de outubro de 2018

Sem chance no time, atacante Taiberson não faz mais parte do elenco do CSA

Sem chance no time, o atacante Taiberson não faz mais parte do elenco do CSA. Anunciado em 16 de fevereiro, o atleta disputou onze partidas, sendo três pelo Alagoano e oito pela Série B, sem marcar nenhum gol. 
Taiberson, que tinha contrato até o fim do ano, está sendo devolvido ao Internacional.
No último fim de semana, outro jogador saiu dos planos do Azulão: o volante Jhonnatan. Neste caso, o motivo foi a insegurança do departamento jurídico quanto a sua condição de jogo.
Jhonnatan foi anunciado no mês passado, perto do fim do prazo para contratações. O atleta veio do Náutico, por quem atuou na Série C do Campeonato Brasileiro. O detalhe é que na atual temporada ele também já havia defendido a Portuguesa-RJ e o Santa Cruz-RN.
Nestes dois casos foram para competições estaduais, que não são regidas pela CBF. Seu nome chegou até a aparecer no BID da CBF como profissional do CSA. Como o art. 13, parágrafo 2º, do Regulamento Nacional de Registro e Transferência de Atletas de Futebol estabelece que o atleta só pode ser registrado por três clubes durante uma temporada, o setor jurídico da CBF achou por bem descartar Jhonnatan temendo o clube perder pontos por uma eventual denúncia dos adversários.
De volta aos treinos
Sem ninguém suspenso ou mesmo no departamento médico, o elenco do CSA volta aos treinos nesta quinta-feira para a partida contra a Ponte Preta, a ser realizada na sexta-feira (12), contra a Ponte Preta, no Estádio Rei Pelé. Partida, às 21h30, é pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.
O Azulão se reencontrou com a vitória nessa terça-feira (1x0 Paysandu) após jejum de três jogos. Em alguns momentos atuando fora de sua posição, por causa do esquema tático montado pelo treinador Marcelo Cabo, o meia Didira respondeu o seguinte:
- Quando entro em campo procuro ajudar a equipe, mesmo sabendo que ora tenho que exercer uma função, ora outra. Neste último jogo não fizemos um bom 1º tempo, mas no 2º todo mundo se dedicou para buscar a vitória, que acabou vindo.
NM com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário