Image Map
Image Map
Image Map

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Presidente Rafael Tenório diz não ter resposta para a queda de rendimento do CSA

Com as obrigações do clube em dia, o presidente Rafael Tenório diz não ter resposta para a queda de rendimento do CSA neste momento do Campeonato Brasileiro da Série B. Mas procura passar otimismo ao lembrar que ainda restam 24 pontos a disputar (sete jogos) e, com 50, o Azulão só precisa de mais 11, 12 pontos para chegar ao segundo objetivo que é subir para a Série A em 2019.
- A equipe atingiu os 46 pontos, que representou a permanência na Série B, na 26ª rodada. Só que de lá pra cá o rendimento do time tem sido pífio, pois dos cinco jogos disputados houve a conquista de apenas quatro pontos. Isso é performance de equipe que não pensa sequer em permanecer na competição. E eu não tenho como dizer o porquê desta queda de rendimento.
Apesar de a gordura na tabela ter sumido, o alto mandatário azulino lembra que o Azulão ainda depende só de si:
- Além da tabela ter sido generosa conosco até aqui, financeiramente tudo está em dia. O fato é que é notório a queda de rendimento e o time está deixando escapulir as oportunidades. Agora, por exemplo, estamos a apenas dois pontos do quinto colocado (Vila Nova). Mas tudo ainda depende do elenco. Sabemos que a equipe às vezes não está em um bom dia; no outro esse ou aquele atleta não pode atuar. O certo é que a partir de agora cada partida é uma decisão se quiser ainda brigar pelo acesso à Série A.
NM com Gazetaweb.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário