Image Map
Image Map
Image Map

terça-feira, 9 de outubro de 2018

Fator casa: CSA só precisa fazer o papel de mandante para chegar à Série A

Foto: Ailton Cruz
O CSA tem uma "carta na manga" para conseguir o acesso à Série A: Estádio Rei Pelé. Dentro de seus domínios, o time azulino perdeu apenas três vezes em 15 jogos nesta Série B. Até o fechamento da 30ª rodada, o Azulão tem a terceira melhor campanha dentro de casa, ficando atrás apenas do Coritiba e do líder Fortaleza.

O fator casa tem dado esperança ao torcedor azulino, que vê a elite do Brasileirão cada vez mais de perto. Com mais 12 pontos, o CSA tem grande possibilidade de acesso. Hoje, o número mágico para a Série A está entre 62 e 63 pontos.

Com mais quatro vitórias em casa, o Azulão chega aos 62 até o fim do campeonato. O clube tem ainda no Rei Pelé: Ponte Preta, Brasil de Pelotas, Atlético-GO e Avaí.

Apoio da torcida tem sido fundamental


O CSA tem 66,7% de aproveitamento no Estádio Rei Pelé nesta Série B. São nove vitórias, três empates e três derrotas, com 24 gols marcados e 13 sofridos. Esse bom desempenho como mandante não é por acaso. A torcida azulina comprou essa 'briga' rumo ao acesso e tem sido de extrema importância para a campanha na temporada de 2018.

A torcida tem sido o gás do Azulão no Brasileiro. O clube só perde para o Fortaleza em média de público nesta Série B. O Leão coloca em média 22.273 torcedores em seu estádio, enquanto o time azulino vem em segundo lugar, com uma média de 8.582 torcedores. Além desses dados, o CSA também é o segundo em total de público pagante: 128.734 azulinos já compareceram ao Rei Pelé para empurrar o Azulão.

Na próxima sexta, o CSA recebe a Ponte Preta, no Estádio Rei Pelé, às 21h30, para tentar manter o retrospecto positivo dentro de casa e continuar na briga pelo sonhado acesso.

NM com Lucas Mendes e Globoesporte.com/AL

Nenhum comentário:

Postar um comentário