Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Sequência pesada! Em agosto, CRB vai encarar três equipes do G4

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS
A Série B tem sequência já nesta terça-feira, mas o CRB só inicia sua caminhada no returno da competição às 16h30 do próximo sábado (11), quando vai receber a visita do Oeste-SP, no Estádio Rei Pelé. Em situação delicada na tabela de classificação - é 18º colocado, com 21 pontos -, o time regatiano precisa se ajustar o mais rapidamente possível porque, no mês de agosto, terá pela frente três adversários que, hoje, buscam vaga elite do futebol nacional.
Logo após o confronto diante do Oeste, o CRB vai viajar até Goiânia, onde encara o 3º colocado Vila Nova, às 20h30 do próximo dia 17, no Serra Dourada. Quatro dias depois, o Galo vai se reencontrar com seu torcedor para encarar o líder isolado Fortaleza, no Trapichão.
E o time alvirrubro ainda jogará mais uma partida diante de seu torcedor em agosto. Será no dia 31, contra o Sampaio Corrêa, que tem apenas 16 pontos e é o penúltimo colocado. Antes, porém, o CRB vai tentar superar o quatro colocado Atlético-GO, em duelo marcado para o dia 24, no Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia.
Um dos principais jogadores do Galo na temporada, o goleiro João Carlos admite que o momento é complicado, apesar de manter a esperança.
- É muito ruim, mas já está feito. Não dá para ficar lamentando. O que temos de fazer é focar firme no que vem pela frente e trabalhar forte no dia a dia para conseguimos reverter essa situação. Afinal, dentro de campo a responsabilidade é nossa, e temos condições de conquistar grandes resultados.
O camisa 1 do Galo ressaltou, ainda, a importância de o CRB seguir pontuando, independentemente dos demais resultados.
- Não adianta ficar pensando nos outros e não fazer a nossa parte. Estamos trabalhando muito e sabemos que a situação incomoda bastante, mas temos que focar no que vem pela frente para conseguirmos os resultados e sairmos da zona de rebaixamento.
NM com Isaac Simões

Nenhum comentário:

Postar um comentário