Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

sexta-feira, 17 de agosto de 2018

CRB regulariza lateral e atacante recém-contratados

Iago ex-Náutico e Confiança
Todos os cinco jogadores que o CRB contratou nos últimos dias já estão aptos a estrear porque, nesta sexta-feira (17), foram publicados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF os nomes do lateral-Já esquerdo Paulinho e do atacante Iago.
Paulinho teve seu nome publicado às 10h34. Aos 33 anos, o jogador estava defendendo o Luverdense-MT, com quem disputou a Série C do Campeonato Brasileiro. 
E sua trajetória é longa. Começou no Radium-SP e também passou por Esportivo-MG, Vila Aurora-MT, Novo Hamburgo-RS, Atlético-PR, Atlético-GO, Vitória-BA, Avaí-SC, Paraná e Novorizontino-SP. 
Já Iago teve o seu nome publicado às 12h19. O jogador de 22 anos é procedente do Confiança-SE, clube que o revelou ainda em 2014. O atacante também tem passagens por Atlético-PR e Náutico-PE.
Porém, Paulinho e Iago só vão entrar nos planos da comissão técnica a partir do jogo contra o Fortaleza, marcado para as 20h30 da próxima terça-feira (21), no Estádio Rei Pelé.
Os outros reforços que já haviam sido regularizados são o zagueiro Welington Carvalho, o meia Marcelo e o atacante Elias. Destes, o único até aqui a estrear foi Elias, que esteve em campo na derrota contra o Oeste e deixou boa impressão.
Caso Boaventura
Esta semana, após protesto da torcida no CT Ninho do Galo, na Barra de São Miguel, a diretoria regatiana decidiu não mais aproveitar o lateral Diego e os zagueiros Márcio e Flávio Boaventura. Este, inclusive, foi alvo de nota, publicada no site do clube nessa quinta-feira (16), em que a direção nega ter recebido duas propostas pelo jogador.
A nota nega que o jogador tenha comunicado a direção sobre tais propostas, garantindo que Boaventura mentiu em entrevista à imprensa local ao afirmar que o clube não queria liberá-lo. Lembra, ainda, os supostos atos de indisciplina que tornaram a relação entre atleta e torcida "insustentável", o que levou a diretoria a afastá-lo do elenco.
Ainda segundo o comunicado, a única proposta recebida pelo CRB foi pelo volante Tinga, sendo que a direção, em conversa com o atleta, convenceu-o a seguir no Galo. 
"Na verdade, o que o atleta Flávio Boaventura busca neste momento é apagar o fato de ter cometido diversos atos de indisciplina e desrespeito com o clube e a nação regatiana: fez gestos obscenos para a torcida, desceu para os vestiários provocando o torcedor e, por muitas vezes, foi flagrado tendo uma conduta não condizente com a de um atleta profissional, consumindo bebida alcoólica em postos de combustíveis e churrasquinhos espalhados pela cidade após os treinos e em vésperas de jogos, fatos comprovados por várias imagens que circularam nas redes sociais", diz trecho da nota.
NM com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário