Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 11 de julho de 2018

CENTRAL DA COPA: Croácia derrota a Inglaterra na prorrogação e vai disputar a sua primeira final de Copa

AFP
Rússia - A primeira final não se esquece. Com apenas 27 anos de independência da Iuguslávia, a Croácia passou por uma maratona de três prorrogações para alcançar a sua primeira decisão na história. E justamente numa Copa do Mundo. Desta vez sem precisar da disputa por pênaltis, como aconteceu contra Dinamarca e Rússia, os croatas conseguiram um gol aos 4 minutos do segundo tempo da prorrogação, com Mandzukic, e derrotaram a Inglaterra por 2 a 1, no Estádio Luzhniki, para viver o seu ápice no futebol. Até, pelo menos domingo, quando enfrenta a França pelo título.
Após surpreender o mundo em 1998, na sua primeira Copa, a Croácia voltava novamente à semifinal após cair três vezes na fase de grupos (2002, 2006 e 2014) e não se classificar em 2010. Era a chance de superar a geração de Suker, mas Modric & Cia parecem ter sentido a pressão pelo feito.
Ainda mais com a Inglaterra marcando logo aos 5 minutos de jogo, em bela falta cobrada por Trippier (desde 1962 não saía um gol de falta numa semifinal de Copa). Os ingleses queriam voltar para uma final, o que não acontecia desde 1966, e foram bem melhores no primeiro tempo. Kane ainda desperdiçou grande chance cara a cara, ao chutar em cima de Subasic, e mandar na trave, no rebote.
A partida estava controlada pelos ingleses, mas a Croácia, no segundo tempo, resolveu jogar. Ainda assim, abusou dos cruzamentos errados. De tanto tentar, a equipe croata finalmente acertou uma bola na área: Perisic se antecipou a Walker e tocou de sola para empatar, aos 23.
Assim como aconteceu do outro lado, o gol desestabilizou a jovem equipe inglesa. E a Croácia cresceu, podendo até mesmo virar o jogo no tempo regulamentar. Perisic chegou a mandar uma bola na trave, após lambança da zaga inglesa, e o goleiro Pickford salvou outras duas vezes.
SEM PÊNALTIS DESSA VEZ
Já acostumados a resolver sua vida na Rússia em mais de 90 minutos, os croatas viram Vrsaljko salvar em cima da linha cabeçada de Stones e Mandzukic parar em ótima saída de Pickford na prorrogação. Parecia que a Croácia iria para a terceira disputa por pênaltis seguida, mas Mandzukic aproveitou sobra na área para fugir da marcação de Stones e fazer o gol da histórica classificação, com direito a comemoração em êxtase dos jogadores, chegando até a derrubar um fotógrafo.
Bastou então controlar o jogo, sem levar muitos sustos atrás. E para os ingleses, que cantam 'Football is coming home' ('O futebol está voltando para casa'), restou voltar mais uma vez sem o título.
FICHA TÉCNICA
CROÁCIA 2X1 INGLATERRA
Local: Estádio Lujniki, em Moscou (RUS)
Público: 78.011 presentes
Árbitro: Cuneyt Cakir (Fifa-TUR)
Auxiliares: Bahattin Duran (Fifa-TUR) e Tarik Ongun (Fifa-TUR)
Cartões amarelos: Mandzukic e Rebic (CRO); Walker (ING)
Cartões vermelhos: -
Gols: Trippier - 5'/1ºT (0-1), Perisic - 23'/2ºT (1-1) e Mandzukic - 4'/2ºP (2-1)
CROÁCIA: Subasic; Vrsaljko, Lovren, Vida e Strinic (Pivaric - 5'/1ºP); Rakitic, Brozovic, Rebic (Kramaric - 11'/1ºP), Modric (Badelj - 12'/2ºP) e Perisic; Mandzukic (Corluka - 9'/2ºP). Técnico: Zlatko Dalic.
INGLATERRA: Pickford; Walker (Vardy - 7'/2ºP), Stones e Maguire; Trippier, Dele Alli, Henderson (Dier - 7'/1ºP), Lingard e Ashley Young (Rose - 0'/1ºP); Sterling (Rashford - 29'/2ºT) e Kane. Técnico: Gareth Southgate.
NM com O Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário