Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

segunda-feira, 25 de junho de 2018

A seleção brasileira feminina de futebol é hepta e não falamos sobre isso

O Brasil é o país do futebol. Campeonatos são aclamados, jogadores são ídolos, milhares de reais são gastos em salários para nossas estrelas. Mas só se estivermos falando dos homens. O esporte não é nem levemente valorizado da mesma forma quando falamos das atletas mulheres.

No dia 22 de abril a seleção brasileira de futebol foi heptacampeã da Copa América. E mais que isso, nossas atletas levantaram a taça depois de uma campanha invicta na competição. Com a vitória, o time garantiu uma vaga para as Olimpíadas de Tóquio, em 2020, e para a Copa do Mundo, em 2019.

Mas você não ouviu falar algo sobre isso? Se fosse uma vitória do time masculino, teríamos acompanhado o dia a dia, os treinos, a análise dos adversários, teríamos transmissão ao vivo dos jogos… Mas o das mulheres, nada!

Fazemos aqui a nossa meia culpa também que, como mídia, não cobriu intensamente esse campeonato como deveríamos. Faltou espaço até onde elas deveriam ter ainda mais destaque: a mídia feminina. Assim como fazemos na luta pelas conquistas diárias das mulheres, ficamos com essa lição para a próxima competição. E como já diria alguns gritos de guerra do próprio futebol: “Se a seleção feminina for jogar, eu vou” — mesmo que seja só de torcida e espírito. 

NM com site Cosmopolitan

Nenhum comentário:

Postar um comentário