Image Map
Image Map
Image Map

segunda-feira, 28 de maio de 2018

Times alagoanos encerram participação na Série D-2018 segurando a lanterna

ANDRE NUNES, (ZAGUEIRO DO ASA)  DESOLADO. FOTO: EDUARDO CARDEAL
Segurando a lanterna. Foi dessa maneira que os times alagoanos encerraram suas participações na temporada 2018 do Campeonato Brasileiro da Série D. Atuando na noite deste domingo (27), apenas o Murici pontuou, ficando no 1x1 com o Flamengo-PE, no Estádio José Gomes da Costa. Este empate foi o único ponto conquistado pela equipe da Zona da Mata alagoana em seis partidas. E não poderia ser diferente: terminou em último lugar no grupo A8, que teve como classificados o Campinense, com 16; e o Fluminense de Feira-BA, com 13. O também eliminado Flamengo-PE somou 4 pontos, ficando na terceira posição.
O Santa Rita, único clube alagoano a ganhar uma partida, desta vez foi ao interior sergipano e perdeu para o Itabaiana por 2x1. Chegou a empatar a partida, com Jairo, no 1º minuto da etapa final. Porém, o Itabaiana assinalou com Geovane e Ramon, respectivamente no 1º e 2º tempo. Este foi o grupo A9, cuja classificação terminou assim: em 1º o Treze, com 12; 2º o Itabaiana, com 10; 3º o Vitória da Conquista-BA, com 8; e 4º colocado o Santa Rita, com 3 pontos.
O ASA, que até a 4ª rodada só fez empatar, perdeu os dois últimos compromissos. Neste domingo, embora sendo mandante, sofreu 4x2 para o Sergipe. O alvinegro arapiraquense até abriu o placar, mas já foi para o intervalo perdendo de 3x1. E viu, no início do 2º tempo, o adversário fazer mais um. O Gigante fechou o placar após os 30 minutos.
Os gols do ASA foram assinalados por Caíque e André Beleza. Já o Sergipe marcou com Cláudio Baiano, Augusto Potiguar, Danilo Rios e Marquinhos do Sul. Este foi o grupo A7 e, portanto, o ASA terminou mesmo a sua campanha em último lugar, com 4 pontos. Outro eliminado foi o Central, com 6. Os classificados desta chave foram o Sergipe, com 13; e o Jacuipense-BA, com 8 pontos.


Vêm agora as fases de mata-mata sem a presença de Alagoas na competição.
NM com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário