Image Map
Image Map
Image Map

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Elenco do CSA ganha dia de folga após vitória em Criciúma-SC

FOTO: ASCOM CSA
Já em solo alagoano, o time do CSA ganhou folga até esta quinta-feira, após vencer o Criciúma-SC fora de casa e assumir a vice-liderança da Série B nessa terça-feira. Agora, o Azulão só volta a atuar pelo Brasileiro no próximo dia 12, quando vai encarar o Boa Esporte-MG - que luta para deixar a zona de rebaixamento -, no Estádio Rei Pelé.
A programação para esta partida, válida pela 5ª rodada, começa às 15h30 desta sexta-feira, com um jogo-treino para movimentar os jogadores que ainda buscam melhor condição - os demais vão fazer um trabalho regenerativo. O jogo-treino será contra o Sindicato dos Atletas Profissionais de Alagoas. 
No sábado, as atividades terão início às 8h30, enquanto o treinamento de domingo vai começar uma hora mais tarde, às 9h30.
E após a vitória em Criciúma, o treinador Marcelo Cabo falou à imprensa sobre os primeiros pontos conquistados fora de casa, bem como sobre o período de preparação para o jogo contra o Boa.
"Foi uma vitória muito expressiva e diante de um adversário muito difícil de ser batido em Criciúma. Um resultado que nos traz muita confiança, já que precisávamos pontuar fora de casa, e que também nos deixa no G4 nesta rodada. Agora, ganhamos uma pausa de dez dias até o próximo jogo. Com isso, poderemos trabalhar melhor para crescermos ainda mais na competição", analisou.
Artilheiro do jogo dessa terça-feira, o meia Didira falou sobre a vitória azulina no Sul do país, descrevendo o seu segundo gol na partida.
"Percebi o goleiro um pouco adiantado e dominei a bola já para o toque por cobertura. Ele estava à frente da marca do pênalti, e isso me deu mais tranquilidade para concluir a jogada. Creio que foi o gol que consolidou nossa primeira vitória fora de casa. Mas o fato é que todo mundo entrou determinado, respeitando a equipe do Criciúma. Nossa defesa também esteve bem, marcando muito forte", avaliou o jogador, para quem o primeiro gol - assinalado ainda no primeiro tempo - foi o mais bonito.


Diante do Boa, o CSA terá três jogadores pendurados (já com dois cartões amarelos): zagueiros Leandro Souza e Xandão, além do volante Yuri.

Nenhum comentário:

Postar um comentário