Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 2 de maio de 2018

CRB vence o Campinense, por 3 a 1, e garante a vaga no Nordestão de 2019

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

Depois de passar cinco jogos seguidos sem vencer - um pelo Alagoano, um pela Pré-Copa do Nordeste 2019 e três pela Série B - o CRB desencantou e reencontrou o caminho das vitórias. Jogando na noite desta terça-feira (1º), no Estádio Rei Pelé, o Galo bateu o Campinense-PB, por 3 a 1, em duelo pelo Pré-Nordestão e garantiu a vaga na Copa do Nordeste de 2019.  
Os gols do Galo foram de Denilson (contra), Neto Baiano e Edson Borges; já Marcinho fez o gol do time paraibano. E mesmo com a vitória e a classificação garantida, a torcida regatiana não ficou satisfeita com o time e vaiou os jogadores ao final da partida.
Agora o Regatas tem o jogo pelo Brasileiro da Série B, já na próxima sexta-feira (4), também no Rei Pelé, às 20h30, pela 4ª rodada da competição nacional.

O duelo
O jogo começou com o CRB já tentando pressionar no primeiro minuto, com Diogo Matheus, mas o zagueiro Rafael Jensen cortou a tempo. Aos 5 minutos, novamente Diogo Matheus tentou chegar, mas a zaga afastou o perigo da área da Raposa.
O Galo seguia tocando a bola, tentando chegar, pois precisava do resultado, enquanto o Campinense tinha uma postura mais defensiva. Aos 9 minutos, Willians Santana foi em velocidade pela ponta esquerda, acionou Neto Baiano, mas ele acabou sendo desarmado.
O  Campinense respondeu aos 11, quando Jackinha tabelou com Tarcísio, e rolou a bola para Felipe Macena. Da entrada da área, ele encheu o pé, mas viu a bola ir por cima do gol. Aos 17 minutos, o CRB teve uma grande chance de abrir o placar. Na cobrança de escanteio de Edson Ratinho, Edson Borges foi lá em cima e testou forte, mas carimbou a trave direita de Jeferson. 
Ao tentar cortar, atacante Denilson cabeceia bola contra o próprio gol e abre o placar para o CRB
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

























Se não foi dessa vez que o gol regatiano saiu, foi aos 20 minutos. De tanto insistir, o CRB abriu o placar, após cobrança de escanteio, com Denilson, que mandou a bola contra a própria rede: 1 a 0, para alegria da torcida do Galo.
O time regatiano seguia pressionando e aos 32 teve uma boa oportunidade de fazer o segundo com Edson Ratinho, que mandou direto para o gol, com muito veneno, mas Jeferson espalmou para escanteio. Aos 43 minutos, novamente o CRB chegou. Na cobrança ensaiada da falta, Edson Ratinho rolou para Neto Baiano, que chutou rasteiro e a bola saiu pela linha de fundo.
Antes do intervalo, o Campinense ainda assustou com o lateral Jackinha, que chutou de longe, mas pegou muito mal na bola e ela foi longe do gol.
Segundo tempo
Artilheiro do CRB na temporada, Neto Baiano marcou o segundo do Galo
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

























Na etapa final, precisando fazer mais um gol para se livrar das cobranças de pênaltis e garantir a vaga no Nordestão de 2019 de forma direta, o CRB partiu logo para cima. E no primeiro minuto de bola rolando ampliou o placar. 
Tinga invadiu a área, finalizou e a bola explodiu na zaga. Na sobra, Neto Baiano ajeitou para a perna esquerda e bateu bonito, no canto direito de Jeferson: 2 a 0. Ele saiu para comemorar perto de um grupo de torcedores que tinha uma faixa com sua foto e outra com os dizeres: "Eu acredito".
Aos 14 minutos da etapa final, Marcinho diminuiu o placar para o Campinense
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

























Mas aos 14 minutos, o Campinense, que não desistia e buscava o gol, diminuiu. Após lançamento, João Carlos se atrapalhou com Boaventura e a bola sobrou para Tarcísio. Ele finalizou e Edson Borges salvou em cima da linha, mas no rebote Tarcísio rolou para Marcinho, que empurrou para o gol: 2 a 1.
O CRB cedeu espaços ao adversário, após o gol, mas não se abateu. Isso porque, aos 29 minutos, o zagueiro Edson Borges ampliou o placar. Após cobrança de escanteio, ele subiu e escolheu o lado direito para guardar de cabeça: 3 a 1. 
Goleiro Jeferson salta, mas não consegue impedir o terceiro gol regatiano
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

























Esse resultado eliminava o Campinense que, por causa disso, partiu desesperadamente para o ataque, enquanto o CRB apostava nos contra-ataques. E em um desses lances do Galo, Juninho Potiguar ficou cara a cara com Jeferson, bateu no cantinho do goleiro da Raposa, mas a bola beijou a trave.
Com o resultado já garantido e o jogo se encaminhando para o final, o CRB só fez segurar a bola no campo de ataque e administrar a vitória que lhe garantia a classificação ao Nordestão do ano que vem.
CRB - João Carlos; Diogo Mateus, Flávio Boaventura, Edson Borges e Diego; Feijão e Lucas Siqueira; Edson Ratinho (Bruno Paulo), Tinga (Rafael Bastos) e Willians Santana (Juninho Potiguar); Neto Baiano. Técnico: Júnior Rocha.
Campinense - Jeferson; Alex Murici, Willian Goiano (Beto), Rafael Jensen e Jackinha; Jorginho (Marcelinho), Felipe Macena e Marcinho; Danilo Bala, Denilson (Dan) e Tarcísio. Técnico: Ruy Scarpino.
NM com Fernanda Medeiros
Tempo Real com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário