Image Map
Image Map
Image Map

terça-feira, 19 de setembro de 2017

Mazola Júnior comanda primeiro treino em seu retorno ao CRB

FOTO:ALBERTO OLIVEIRA
Na tarde desta terça-feira (19), no CT Ninho do Galo, na Barra de São Miguel, Mazola Júnior comandou o primeiro treino como novo técnico do CRB. Esta é a segunda passagem de Mazola pelo tricampeão alagoano. E o experiente treinador chega para substituir Dado Cavalcanti, demitido após a derrota fora de casa para o Brasil de Pelotas, no último sábado (19), por 2 a 1.
No primeiro dia de trabalho, o treinador de 52 anos conversou durante vinte minutos com os atletas e, depois, realizou um treino intenso com foco na posse de bola, toques de primeira e muita movimentação. Durante a atividade, os jogadores do Galo tiveram que soar a camisa, sob o olhar atento do novo professor.
O volante Tinga, recém-contratado, falou como foi o primeiro contato com o novo comandante regatiano:
- Eu nunca tinha trabalhado com o Mazola, mas já deu pra ver que ele é um cara que gosta muito de trabalhar. Hoje, ele já expôs suas ideias e, agora, cabe ao grupo assimilar e correr atrás das vitórias para levar o CRB a grandes conquistas. 
Nesta primeira atividade sob a o comando de Mazola, os volantes Danilo Pires, Rodrigo Souza e Jorginho - entregues ao departamento médico do clube - não participaram do treinamento.
Em sua primeira passagem, Mazola conseguiu levar o Galo às melhores campanhas de sua história no Campeonato Brasileiro da Série B. Em 2015, o Alvirrubro terminou a competição em 11º lugar, enquanto que, no ano seguinte, encerrou sua participação entre em 7º, além de ter conquistado o Campeonato Alagoano sobre o arquirrival CSA.

Treinador Mazola Júnior comandou o primeiro treino em seu retorno
FOTO: ASCOM/CRB
Fortes raízes
A vontade de vencer de novo, de competir, foi o que motivou o treinador Mazola Júnior a aceitar o convite para voltar ao futebol. Porém, no caso particular do CRB ele frisou que há raízes muitos fortes entre Mazola e o CRB.
- Quando o presidente [Marcos Barbosa] me ligou, e minha esposa estava ao meu lado, ela disse que eu não podia dizer não, pois o clube estaria precisando de mim. Particularmente eu estava sentindo muita falta do futebol, do ambiente, da adrenalina. Eu e minha esposa estávamos também sentindo saudade de Maceió, pois temos amigos aqui e o CRB é um clube onde me sinto bem e volto pela vontade de vencer de novo, de competir. Então tudo isso fez antecipar minha volta ao futebol. Creio que mutuamente são raízes fortes entre eu e este clube.
Sobre o momento do CRB no Campeonato Brasileiro, Mazola Júnior procurou minimizar o fato de estar na 13ª colocação e que, faltando ainda 14 rodadas, dá para alimentar esperança em uma manutenção no campeonato. Mazola também destacou os profissionais que o antecederam:


- Faltando 14 rodadas, está tudo muito próximo. Sobre o elenco, o deste ano é tão bom quando o das últimas temporadas. Portanto, quero enaltecer os colegas Léo Condé e Dado Cavalcanti. Esse time derrotou os líderes Internacional e América-MG. Portanto, tenho certeza que vou herdar um trabalho muito bem feito. O certo é que a Série B é um campeonato duríssimo. Agora é tentar adaptar os jogadores a minha forma de trabalho para que a gente consiga resultados para manter o Galo na segunda divisão do futebol brasileiro.

NM com Gazetaweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA