Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 11 de junho de 2017

ASA começa vencendo, cede o empate para o Salgueiro e segue na vice-lanterna

O ASA chega ao seu terceiro jogo consecutivo sem conseguir vencer na Série C. Desta vez, a equipe apenas empatou com o Salgueiro, na tarde deste domingo (11), no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Os gols da partida foram marcados por Leandro Kível, no primeiro tempo, e na segunda etapa, Moreilandia empatou para o Carcará.
Com o resultado, o Fantasma chegou aos quatro pontos e pode terminar a rodada na lanterna do Grupo A, em caso de vitória do Cuiabá, sobre o Fortaleza. Já para o Salgueiro, o resultado fez com que a equipe seguisse fora da zona de rebaixamento. 
A partida ainda teve um fato inusitado, onde nenhum dos dois treinadores estiveram à beira de campo para comandar as equipes. O técnico do ASA, Marcelo Vilar, teve problemas com a rescisão do seu antigo clube, o Sergipe, e não pode comandar a equipe. Já o comandante do Carcará, Evandro Guimarães, foi expulso na última rodada e cumpriu suspensão. Os auxiliares comandaram as equipes. 
Agora o Fantasma buscará a reabilitação fora de casa, contra o Moto Club, no Maranhão, no próximo sábado (17), às 16h. As duas equipes estão com o mesmo número de pontos, separados apenas pelo saldo de gol. O clube pernambucano retorna para casa para enfrentar o Cuiabá, no próximo domingo (18), no Estádio Cornélio de Barros, às 16h.
Primeiro Tempo
O ASA iniciou a partida indo para cima buscando abrir o placar. Depois de algumas tentativas de fora da área, e dois ataques do Salgueiro interceptados pela zaga Alvinegra, a equipe abriu o placar aos 15 minutos. Depois da bola colocada na área da equipe pernambucana, no bate rebate, sobrou para o atacante Leandro Kível, que não desperdiçou e mandou para o fundo das redes.
Depois do gol, os donos da casa deram a impressão que estavam satisfeitos com o resultado. E na metade da primeira etapa, o Salgueiro passou a dominar a partida. Aoss 25 minutos, o lateral Daniel chutou e acertou o travessão do goleiro Carlão. 
Ainda na primeira etapa, a primeira alteração do jogo foi feita. O lateral Tamandaré sentiu e pediu para ser substituído na equipe visitante. Para seu lugar entrou o lateral Jean. Depois da substituição, ainda deu tempo para a equipe chegar mais uma vez com perigo aos 47 do segundo tempo. Na cobrança de escanteio, Luiz Eduardo subiu sozinho, mas cabeceou por cima do gol do ASA. Logo após o lance, o árbitro apitou o fim do primeiro tempo.
Sufoco no segundo tempo
Na segunda etapa, o time do ASA não voltou bem. Nervoso em campo, o time errava muitos passes. E logo aos 2 minutos, o volante Mazinho recebeu cartão amarelo por falta dura. Apesar da melhora dos visitantes, eram os Alvinegros que chegavam com mais frequência à grande área, através dos contra-ataques. Em um lance, aos 15 minutos, Léo Campos acertou um belo passe para Thiago Souza, que foi travado por Moreilandia na entrada da área.
O Salgueiro fez uma mudança no time. Entrando Dadá no lugar de William Lira, aos 20 minutos. E aos 29, em uma bobeada do ASA, o zagueiro André Lima, recebeu o cartão vermelho depois de impedir uma chance clara de gol, quase dentro da área. A falta custou caro e na cobrança, Moreilandia chutou forte, a bola desviou na zaga e entrou, empatando a partida.
Com um a menos e sofrendo o gol de empate, o ASA fez duas alterações, tirando Thiago Souza para a entrada de Eron e Mazinho para a entrada de Jailson. O jogo seguiu com o Salgueiro atacando em busca de virar o jogo e o Fantasma se defendia como podia.  O time ainda fez uma alteração, tirando o autor do gol, Moreilandia para dar lugar a Jaildo. Porém a pressão não foi suficiente e o confronto acabou em 1 a 1. 
NM com Marcio Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA