Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

sábado, 20 de maio de 2017

CSA vence o Sampaio Corrêa e é líder no grupo A da Série C

O CSA venceu o Sampaio Corrêa pela segunda rodada da Série C do Brasileirão, na tarde deste sábado (20), no Estádio Castelão, em São Luís-MA. Os gols da partida foram marcados no primeiro tempo. O primeiro saiu logo aos dois minutos do primeiro tempo, com Daniel Costa, enquanto o segundo foi marcado por Marcos Antônio, aos 28.
Com o resultado, o Azulão segue na liderança do Grupo A, com 100% de aproveitamento, cinco gols marcados e nenhum tomado. Mas a equipe maruja não deve estender a comemoração pelo bom resultado longe de casa. Isso porque a equipe de Ney da Matta já começa a voltar suas atenções, na segunda-feira, para mais uma fora de casa, desta vez contra o Botafogo-PB, às 16h do próximo domingo.
O jogo
Os donos da casa deram a entender que iriam pressionar o CSA durante toda a partida. Mas, logo aos dois minutos, o Azulão marcou o primeiro gol do confronto. Em um contra-ataque puxado por Marcos Antônio, o volante tocou para Daniel Costa, que mandou de cobertura para marcar um belo gol no Castelão: 1x0.
O Tubarão acabou sentindo o gol, com o time da casa demonstrando muito nervosismo, sem conseguir criar chances de gol. O CSA, por sua vez, seguiu firme na defesa, saindo bem nos contragolpes. E aos 21 minutos, em mais uma jogada de Marcos Antônio, a redonda sobrou mais uma vez para o meia Daniel Costa, que, desta vez, acertou a trave.
Já aos 28, em mais uma jogada de velocidade, o camisa 7 roubou a bola e tocou para Michel, que devolveu para Marcos Antônio marcar, na falha do goleiro do Tubarão: 2x0. 
O confronto seguiu da mesma maneira até o árbitro encerrar a primeira etapa, com o Sampaio sem conseguir criar o bastante, com CSA investindo nos contra-ataques.
Segundo tempo
Na segunda etapa, o panorama não mudou muito. Os donos da casa continuaram em cima, mas a defesa azulina, bem postada, resistia bem à pressão. E aos 8 minutos, a chance mais clara de gol para o Sampaio veio em cobrança de pênalti cometido pelo zagueiro Thales. Porém, na cobrança de Esquerdinha, o goleiro Mota salvou o CSA com uma bela defesa no canto direito.

Momento da defesa do goleiro azulino no pênalti cobrado por Esquerdinha
FOTO: DIVULGAÇÃO/INTERNAUTA


















Ney da Matta processou as três alterações a que tinha direito, com a saída de Daniel Costa para a entrada de Caique, enquanto Rayro entrou no lugar de Marcos Antônio e Boquita substituiu Thiago Potiguar.
O Tubarão ainda partiu para cima dos minutos finais, mas o CSA soube administrar o grande resultado, gastante o tempo do jogo para somar mais três pontos na competição.
Logo após a partida, o técnico azulino elogiou a postura de equipe, enaltecendo a obediência tática de seus atletas. "Valeu pela luta dos meninos. Foram aplicados taticamente, e isso é importante para um time que quer vencer. E não podemos criar barreiras à comemoração. Não é pecado vibrar e estar alegre pelo resultado. Trabalhamos todos os dias para conseguirmos as vitórias. Porém, precisaremos de muito equilíbrio e humildade", afirmou o comandante azulino.
NM com Marcio Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário