Image Map
Image Map
Image Map

segunda-feira, 27 de março de 2017

Após empate, Canindé reforça: "Objetivo é ser campeão"


O segundo clássico das multidões terminou mais uma vez empatado no Estádio Rei Pelé. E para o CSA, o resultado deste domingo teve sabor mais amargo, já que o Azulão perdeu a liderança do seu grupo e da classificação geral para o ASA, que venceu seu confronto na última rodada e assumiu a ponta da tabela.
Após o duelo desta tarde, o técnico Oliveira Canindé reconheceu que seu time esteve abaixo do esperado, falando também sobre o grande objetivo de sua equipe na competição. 

"Nós precisamos fazer a nossa parte, independentemente do adversário. Deixamos a desejar. Deveríamos ser mais fortes do que nós fomos. Não faltou entrega, disposição e busca pelo resultado. Mas faltou a busca por um crescimento na competição", avaliou Canindé. 
Indagado sobre a postura da equipe dentro de campo, o comandante azulino afirmou que "clássico é um jogo diferente, já que nem sempre a parte tática prevalece". "Clássico é um jogo à parte. A briga é muita intensa. Não entra apenas o jogo em si, mas também a pressão, já que o emocional fala mais alto que o tático. É por isso que, muitas vezes, o jogador não consegue fazer aquilo que pensa em executar", emendou Canindé.
O técnico azulino ressaltou, ainda, que o objetivo da equipe é o título, já avaliando os rivais que terá pela frente a partir de agora. "Se as equipes se classificaram é porque tiveram um algo mais. Nossa meta é ser campeão. Espero que, daqui para a frente, possamos contar outra história, diferente da que construímos hoje. Vamos jogar para vencer. Precisamos nos qualificar com resultados positivos, para que consigamos chegar ao nosso maior objetivo".


Agora, o Azulão já se prepara para encarar, na próxima quarta-feira (29), a equipe do CEO, no Estádio Rei Pelé. O confronto será o último de portões fechados à torcida, em cumprimento à punição imposta pelo STJD.
NM com Marcio Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEJA SOLIDÁRIO