Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

CSA se despede da Copa do Brasil com goleada para o Sport: 4x1

Não foi desta vez que o CSA conseguiu apagar a derrota no clássico das multidões, domingo passado, pela Copa do Nordeste. Ao invés disso, o torcedor azulino viu o time do Mutange ser goleado na noite desta quarta-feira (08), no Estádio Rei Pelé, e se despedir da Copa do Brasil ainda na primeira fase da competição. Com o placar de 4x1 para o Sport - que confirmou a boa vitória no segundo tempo -, o Azulão já começa a voltar suas atenções novamente para o regional.
Isso porque a equipe do técnico Oliveira Canindé - que promoveu seis mudanças em relação ao grupo que iniciou a última partida - tem compromisso na tarde do próximo sábado, precisando vencer o Itabaiana-SE, em mais um duelo no Trapichão, para tentar assumir a liderança de seu grupo. 
Confira, abaixo, os gols da partida:

CSA 1x4 Sport
Confira os gols da partida válida pela 1ª fase da Copa do Brasil 2017
Até lá, Canindé reconhece que a meta, por ora, é trabalhar a motivação do time que já acumula duas derrotas em sequência, apesar da boa campanha no Estadual. A pressão por parte das arquibancadas, inclusive, pode surtir efeito ainda esta semana, pois, já se cogita a dispensa de pelo menos seis atletas. Pelo Alagoano, o CSA volta a campo somente na noite da próxima segunda-feira (13), quando vai encarar o CEO, no Estádio José Gomes da Costa, em Murici.
E devido à derrota desta noite, o time da casa ficou com apenas 40% da renda de R$ 80.760,00 - o público total foi de 6.312 torcedores. 
O Sport, por sua vez, também volta a campo no sábado que vem, para confronto diante do River-PI, na Ilha do Retiro. Já pela Copa do Brasil, os comandados do técnico Daniel Paulista terão o Sete de Setembro-MS pela frente - na segunda fase, o mando de campo será definido por sorteio.

Atacante Daniel Cruz voltou a jogar pela ponta, mas não rendeu o bastante
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS




















O jogo
O Sport abriu o placar logo com 12 minutos, quando Rithely pegou sobra de bola e acertou um chutaço, mandando a bola no ângulo superior direito do goleiro. O CSA, porém, não se abateu e chegou ao empate aos 32, em cobrança de falta com Everton Heleno. Alex Henrique pegou o rebote de Magrão e tocou para o gol em posição de impedimento: 1x1.
No segundo tempo, o Leão retomou a vantagem aos cinco minutos, com Everton Felipe vencendo Rafinha e chutando cruzado. A bola encobriu Jeferson após desvio no zagueiro Douglas Marques: 2x1. 

Volante Marcos Antônio substituiu Didira, vetado pelo departamento médico
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS




















Canindé, que já havia trocado Alex Henrique por Giancarlo - o atacante não conseguiu esconder a falta de ritmo em sua estreia -, tentou conferir mais força ofensiva ao time da casa. Aos 17, Geovani substituiu Panda e Everton Heleno deu lugar a Cleyton.
Porém, o treinador azulino acabou vendo o Sport confirmar sua vitória no Trapichão, com gols de Rogério e Thalyson. O time rubro-negro ainda teve mais duas chances reais de ampliar a vantagem no final, mas esbarrou em Jeferson, um dos destaques da partida.

Everton Heleno cobra falta e vê Alex Henrique marcar o único gol do CSA
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS


Lateral Celsinho ganhou a vaga de Denilson pela direita, por opção técnica de Canindé
NM com Bruno Soriano 
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA