Image Map
Image Map
Image Map

sábado, 21 de janeiro de 2017

Em jogo duro, CSA vence o Murici pela primeira rodada do Campeonato Alagoano


Everton Heleno abriu o placar para o Azulão em gol de pênalti
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

TEMPO REAL





















Em jogo bastante acirrado o CSA venceu o Murici por 2 x 0, na tarde deste sábado (21), pela primeira rodada do Campeonato Alagoano de 2017. A partida aconteceu no Estádio Gerson Amaral, na cidade de Coruripe. Os gols da partida foram marcados na etapa final por Everton Heleno, de pênalti, e Geovani.
Depois de perder dois dos três amistosos disputados na pré-temporada, o Azulão vinha bastante pressionado para conseguir um resultado positivo na estreia do Estadual. 
Apesar de jogar em Coruripe, devido a uma punição de cinco jogos pela briga que aconteceu na final do Alagoano de 2016, 1.539 torcedores compareceu ao Estádio para acompanhar a estreia do Azulão.
O jogo
Partida foi bastante disputada, com entradas duras
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS





















O CSA iniciou melhor a partida e logo no início Cleyton fez uma boa jogada e saiu na cara do goleiro Dias, mas isolou a bola. E as chances para o CSA foram se repetindo em todo primeira etapa. 
Apesar de dominar o jogo no primeiro tempo, o time não conseguiu refletir esse domínio em gols. Várias chances foram criadas e o atacante Daniel Cruz foi um dos que mais desperdiçou oportunidades.
No segundo tempo, o técnico Oliveira Canindé tirou o meia Cleyton, para a entrada de Geovani. Mas desta vez quem voltou melhor foi a equipe do Murici, que propôs mais o jogo com chances claras de abrir o placar. O jogador Deizinho foi o que mais se destacou com no mínimo três boas chances desperdiçadas.
Torcida do CSA marcou presença na estreia do clube
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

Mas a partir dos 20 minutos, o técnico do Murici, Roberval Davino, começou a mexer no time, com os jogadores claramente cansados. O atacante Alexsandro saiu para a entrada de Eduardo e cinco minutos depois, o zagueiro Edson Veneno, machucado, saiu para a entrada de Sinval. E isso foi refletido na partida, a partir das alterações, o jogo voltou a ficar equilibrado e o CSA voltou a mostrar força no ataque.
Canindé ainda tirou o volante Panda, amarelado no primeiro tempo, para a entrada de Marcos Antônio e Kelvin no lugar de Alex Henrique. Aos 33 minutos do primeiro tempo, a estrela de Canindé brilhou e Geovani sofreu um pênalti dentro da área; quando o goleiro Dias saiu nas pernas do atleta.
Alex Henrique chutou forte no lado esquerdo para abrir o placar para o Azulão. A parti dai, mesmo tentando buscar o empate, o Murici não teve força para chegar com qualidade ao gol Azulino. Na única chance do Verdão da Mata, aos 38?, Tarcísio apareceu sozinho dentro da área e colocou a bola para fora.  
Aos 42? o CSA sacramentou a vitória em uma falha grotesca do goleiro Dias, que na bola alçada na área, saiu errado, ?caçando borboletas? e mais uma vez Geovani foi o protagonista da partida, marcando um golaço de cobertura e dando números finais a partida.
Ao fim do jogo, o técnico Roberval Davino lamentou o cansaço do time na etapa final. "Trabalhamos apenas 20 dias, e ainda temos muitas avaliações para serem feitas. Tive que fazer muitas substituições por cãibras e infelizmente, na hora que precisávamos, de mais gás tive que realizar as substituições. Mas foi bom para o primeiro jogo", ponderou Davino.
Já Canindé disse que o time estava ansioso, devido aos resultados negativos nos amistosos realizados na pré-temporada. "O jogo foi em cima da ansiedade, a necessidade de vencer a primeira partida e mostrar serviço atrapalhou", disse o técnico. 
Próximos compromissos
Agora o CSA só volta a jogar pelo Alagoano no próximo domingo, quando encara o Sete de Setembro, no domingo (29) às 16h, o Verdão da Mata recebe o ASA no mesmo horário.  Antes, na quarta-feira (18), o Azulão terá que virar a chave para estrear pela Copa do Nordeste contra o ABC, no Estádio Rei Pelé.

NM com Marcio Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA