Image Map
Image Map
Image Map

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Desfalques? CSA tem três atletas no DM às vésperas da decisão da Série D

O técnico Oliveira Canindé tem preocupações para o confronto decisivo com o Volta Redonda. Na reapresentação do elenco do CSA, na tarde desta terça-feira, o treinador não contou com a presença do goleiro Jeferson, do lateral-esquerdo Rayro e do atacante Kattê. Os três jogadores estão entregues ao departamento médico e, provavelmente, não estarão à disposição da comissão técnica no sábado.
O pouco tempo de preparação dificulta o tempo de recuperação desses jogadores. Apesar de o DM do CSA não ter dado uma definição sobre eles - os exames de Kattê e Rayro devem ser divulgados pelo clube na quarta -, há uma grande possibilidade de ficarem fora dos planos do técnico Oliveira Canindé, principalmente porque o elenco só irá trabalhar nas manhãs desta quarta e de quinta, em Maceió.
O goleiro Jeferson perdeu o primeiro jogo da final com o Volta Redonda por conta de uma lesão no músculo adutor da coxa direita, enquanto o atacante Kattê deixou o campo no confronto contra o time fluminense com dores no músculo adutor da coxa esquerda. Já o lateral-esquerdo Rayro sente problemas na região posterior da coxa direita. Todos fizeram trabalhos na fisioterapia do CSA na tarde desta terça.
Voltaram
O meio-campista Washington foi a principal novidade no treino do CSA. Após um longo período sem condições de atuar, em razão do tratamento no tornozelo direito, o meia participou de todas as atividades no campo principal do CT Gustavo Paiva, assim, está à disposição de Oliveira Canindé. Além dele, o lateral-direito Denílson pode retornar ao time  titular do Azulão após cumprir suspensão. Contra o Volta Redonda, ele foi substituído por Kelvin.
Washington CSA (Foto: Jota Rufino/GloboEsporte.com)Washington retornou aos treinos após torção no tornozelo (Foto: Jota Rufino/GloboEsporte.com)
A segunda partida da final entre Volta Redonda-RJ e CSA será neste sábado, às 21h, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Um novo 0 a 0 leva a disputa para os pênaltis. Qualquer empate com gols dá o título ao Azulão.
NM com Jota Rufino 

Nenhum comentário:

Postar um comentário