Image Map
Image Map
Image Map

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

CSA derrota o São Bento por 2 a 0 no primeiro jogo das semifinais da Série D

O CSA recebeu o São Bento na tarde deste domingo (11), no Estádio Rei Pelé, pelo primeiro jogo das semifinais do Campeonato Brasileiro da Série D. O jogo marcou a despedida de Cleyton com a camisa azulina. O meia se transferiu para o Paysandu-PA. O Azulão venceu o jogo por 2 a 0 e leva vantagem para a próxima partida, em Sorocaba, no interior paulista. Rayro e Didira marcaram o gol da equipe alagoana.
Com a vitória, time azulino joga pelo empate e pode até perder por um gol de diferença, que mesmo assim, avança para a final da Série D.
Após o acesso na última semana, outro campeonato se iniciou. Com o principal objetivo já alcançado, o time do técnico Oliveira Canindé quer o título da Série D para coroar a temporada de 2016 com uma conquista nacional.
O adversário, o São Bento, veio a Maceió com a missão de se defender e levar um empate para Sorocaba. O Bentão chegou a Maceió ostentando a melhor defesa da competição, com apenas dois gols sofridos em 12 partidas disputadas, mas não foi páreo para o ataque do Azulão.
Sem Douglas Marques, negociado com o Ceará, o técnico Oliveira Canindé optou por escalar Leandro Cardoso para fazer a dupla de zaga com o capitão Leandro Souza. Rayro continuou na lateral-esquerda, mesmo com a recuperação de Rafinha.
Mesmo se apresentando em todos os momentos do jogo, o meia Cleyton, que fez seu último jogo com a camisa azulina na temporada, não conseguiu marcar o seu gol e deixa o Azulão com 8 gols marcados nesta Série D.
Cleyton se despede do CSA e vai defender o Paysandu
FOTO: ALISSON FRAZÃO / ASCOM CSA




















O jogo
As equipes, ainda de ressaca da conquista do acesso para a Série D, começaram a partida ainda mornas e com ritmo lento. Mesmo jogando em casa, o time alagoano não imprimiu o ritmo de jogo que lhe era peculiar.
Mesmo não mantendo a mesma pegada, o time azulino manteve a posse de bola e chegou mais ao ataque. Logo aos 15 minutos, após boa jogada de Didira, Rayro finalizou no cantinho e abriu o placar para o CSA.
Rayro marca o primeiro gol do Azulão, no Estádio Rei Pelé
FOTO: ALISSON FRAZÃO / ASCOM CSA




















Aos 28 minutos, o goleiro Rodrigo Viana se atrapalhou com a bola e Panda tentou surpreender o guarda metas e o encobriu, mas a bola foi para fora.
O São Bento só chegou com perigo uma vez na primeira etapa. Aos 38 minutos, a defesa do CSA vacilou, Magrão recuperou a bola e finalizou forte. A bola passou assustando o goleiro Jeferson.
Na volta para o segundo tempo, o time azulino voltou com a mesma pegada, mas o São Bento precisou sair mais para o jogo. Aos 8 minutos da etapa complementar, Mateus recebeu cruzamento e cabeceou para fora, mas a bola passou perto do gol.
Aos 15 minutos da segunda etapa, Leandro Souza dá uma bela arrancada, passa para Kelvin, que cruzou de primeira para a finalização de Didira, de letra, que ampliou o placar para o time alagoano.
Didira amplia o placar para o CSA e deixa a equipe com boa vantagem
FOTO: ALISSON FRAZÃO / ASCOM CSA


















O Azulão tomou todo o controle do jogo e só sofreu no final da partida após a expulsão de Kelvin, aos 43 minutos da segunda etapa. Porém, o time do São Bento só chegou uma vez. Aos 48, Magrão recebeu lançamento, matou no peito e finalizou para Jeferson fazer uma importante defesa, garantindo o resultado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA