Image Map
Image Map
Image Map

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Canindé alimenta dúvidas no CSA para jogo no interior paulista, neste domingo

Rafinha pode reaparecer no Azulão, na tarde deste domingo
FOTO: JOTA RUFINO/GLOBOESPORTE.COM
O treinador Oliveira Canindé já tem o esboço do CSA para a segunda e decisiva partida contra o São Bento, que acontece na tarde deste domingo em Sorocaba (SP) e que é válida pelas semifinais da Série D do Campeonato Brasileiro. Mais que isso, este confronto vale vaga à decisão do título da quarta divisão nacional em 2016 e o Azulão, por ter ganho o primeiro jogo por 2x0, pode agora até perder por 1x0 que passa de fase.

Sem Douglas e Cleyton, que trocaram de clube, e Panda, que no domingo passado recebeu o terceiro cartão amarelo e vai ter que cumprir suspensão automática, Canindé mantém a base do jogo passado. Leandro Cardoso, por exemplo, segue como substituto de Douglas. O jogador chegou a fazer o gol de empate (1x1) contra o Parnahyba, na última rodada da fase classificatória - muito importante porque confirmou o Azulão em primeiro lugar de seu grupo.

Dúvidas no time e bronca com arbitragem

Para o lugar de Cleyton, quem pode substituí-lo é Katê. E, para o posto de Panda, Everton Heleno. Porém, ainda não está descartada a entrada de Eliseu.

Outra dúvida que Oliveira Canindé está alimentando é na lateral esquerda. Apesar de Rayro ter entrado bem, até fazendo gol, Rafinha, que saiu do time por motivo de contusão, foi titular do time na maior parte desta temporada, no que credencia a sua volta.

A delegação do CSA embarca para o interior paulista na tarde deste sábado. O decisivo jogo é às 16h do domingo, no Estádio Walter Ribeiro.

E uma suposta escalação do CSA, com as dúvidas que agora surgem em Oliveira Canindé, é com Jeferson; Denilson, Leandro Souza, Leandro Cardoso e Rayro (Rafinha); Everton Heleno (Eliseu), Marcos Antônio, Katê, Bismarck, Didira; e Jônatas Obina.



Quanto a arbitragem deste domingo, a diretoria do CSA está na bronca com a indicação de Rodolpho Toski Marques, do Paraná e aspirante Fifa. É que no jogo contra o Ituano, pelas quartas de final, ele teria deixado de dar algumas faltas a favor do CSA e ainda deu seis minutos de acréscimos no 2º tempo desta partida que foi realizada no Estádio Novelli Júnior, no dia 27 de agosto. Abrindo a quarta fase, o Azulão venceu por 2x1.
NM com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA