Image Map
Image Map
Image Map

segunda-feira, 4 de julho de 2016

CSA volta a pontuar contra o Central e segue líder do grupo A6 da Série D

Dos seis pontos disputados contra o Central, o CSA ganhou quatro, pois na tarde deste domingo, atuando no Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru (PE), ficou no empate de 0x0 e, apesar do resultado, segue líder do grupo A6 do Campeonato Brasileiro da Série D, com 7 pontos.
Porém, esta chave agora está embolada porque também na tarde deste domingo o Parnahyba goleou o Guarani-CE por 5x0 e igualmente chegou aos 7 pontos. É inclusive agora o vice-líder, portanto desbancando o Central para terceiro lugar, também com 7. Já o representante cearense segue com apenas 1 ponto e está virtualmente eliminado.
O Azulão supera o Parnahyba no saldo de gols: seis contra cinco. E na próxima rodada o CSA segue atuando fora de casa. Agora,  contra o Guarani, em Juazeiro do Norte (CE), domingo, dia 10, às 19h. Na mesma data, só que às 16h, o Central vai a Parnaíba (PI).
O jogo
A partida começou com o CSA tomando a iniciativa, construindo a maior chance de marcar aos 18 minutos da 1ª etapa quando em cobrança de falta o zagueiro Leandro Souza se apresentou na área adversária e no cabeceio a bola se chocou com a trave.. Dez minutos após o goleiro Murilo salvou sua equipe em duas oportunidades, em finalizações na sequência de Jônatas Obina e Bismarck. Aliás, o arqueiro do Central acabou se tornando no nome da partida, numa demonstração da pressão que seu time sofreu.
O CSA chegou a perder o meio de campo na metade do 2º tempo, pois a alteração feita pelo treinador Oliveira Canindé, ao trocar Bismarck por Marcos Antônio no intervalo, não surtiu efeito. Apesar disso, os perigos de gol foram mais do Azulão, como aos 17 minutos o zagueiro Douglas, também de cabeceio e em cobrança de escanteio, só não abriu o placar porque o meia Jeffinho, que tinha acabado de entrar, fez o corte já com o arqueiro Murilo batido.
O Central só chegava por conta de momentos que a defesa azulina falhou, como aos 23 minutos da etapa complementar em que Jeffinho mirou o canto direito e a bola passou muito perto da meta azulina.
Aos 30 minutos, outra grande oportunidade para o Azulão que parou nas mãos do goleiro Murilo. O volante Jean Cleber, que fez o jogo de despedida pelo CSA, deu assistência para o atacante Marcelo Nicácio, que soltou a bomba para ver o paredão Murilo atuar.
Já nos acréscimos o jogo ainda teve uma expulsão. Irritado com o fato de o volante Liniker cortar com a mão mais um contra-ataque marujo, o atacante Jeferson Maranhense, por reclamação, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.
NM com Francisco Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA