Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

quarta-feira, 27 de julho de 2016

Bernardinho descarta protagonismo do Brasil no Rio 2016: Seis favoritos

Em busca do tricampeonato olímpico, a seleção brasileira masculina de vôlei sabe bem em quais rivais que precisa ficar de olho. O treinador Bernardinho, em entrevista ao "Seleção SporTV", fez questão de mencionar cinco equipes que vão brigar com o Brasil pela medalha de ouro e fez uma menção especial à França.

- Acho que é um candidato. Vai brigar por medalha, vai brigar pelo ouro, mas não é favorito. Tem França, Estados Unidos, Itália, Polônia e Rússia, que são candidatos ou favoritos, juntos com o Brasil. Acho que a Olimpíada tem seis favoritos, com uma pequena vantagem para a França, que é uma equipe que vem dominando, embora na Liga Mundial tenha ficado atrás. Certamente é uma equipe que vem demonstrando ao longo dos anos uma qualidade superior. Mas eu digo que são seis equipes nessa função de favoritos - afirmou.
Bernardinho Vôlei Brasil x Irã Liga Mundial (Foto: Divulgação/FIVB)Bernardinho busca o bicampeonato olímpico (Foto: Divulgação/FIVB)
Brasil e França se enfrentaram na semifinal da última edição da Liga Mundial, em partida que terminou com vitória da equipe comandada por Bernardinho. Apesar de ter ficado satisfeito com o desempenho dos seus comandados, o treinador afirmou que o desempenho em Cracóvia não garante uma boa atuação nos Jogos Olímpicos.
- Depende de como nós encaramos e seguimos depois dessa vitória. É muito ruim se imaginarmos que a vitória nos dá uma garantia para a Olimpíada. Por outro lado, a França está buscando reverter essa situação. Acho que ela é importante pelo momento que aconteceu, dá confiança, e o Brasil demonstrou que tem capacidade de jogar contra qualquer time, mas não garante nada. Não é uma partida que traga alguma consequência - completou. 
O Brasil estreia na competição no dia 7 de agosto diante do México, no Maracanãzinho. O grupo da seleção ainda conta com as presenças de França, Estados Unidos, Itália e Canadá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário