Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Sintomas da Chikungunya afetam dois jogadores do Murici antes da Série D

O surto de doenças espalhadas pelo mosquito Aedes aegypti está impossibilitando o Murici de contar com dois jogadores neste início de preparação à Série D. Segundo o técnico Bilu, o meio-campista Patrick e o atacante Alan Pilar se apresentaram com os sintomas da Chikungunya, por isso não estão participando dos treinos no Estádio José Gomes da Costa.
Bilu Murici (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)Bilu comentou sobre os casos de suspeita de Chikungunya em jogadores do Murici (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

De acordo com a assessoria de imprensa do Murici, os jogadores falaram dos sintomas logo após a apresentação do elenco na segunda. Diante disso, foram liberados das atividades físicas e técnicas para se tratarem. Para o treinador alviverde, as ausências de Patrick e Alan Pilar não atrapalham no planejamento da comissão técnica.  
- Foram apenas dois atletas que apresentaram esses problemas médicos, eles estavam com os sintomas da Chikungunya na apresentação do elenco, não contraíram aqui. No entanto, esse fato não está atrapalhando a nossa preparação, atrapalha os jogadores que estão doentes, porque perdem um período de trabalho - diz.
Patrick - Murici (Foto: Ivan Nunes/Arquivo Pessoal)Patrick (com a bola) não está participando dos treinos por conta de sintomas da doença (Foto: Ivan Nunes/Arquivo Pessoal)
O Murici tinha dois amistosos marcados para os próximos fins de semana contra o Central. Segundo o capitão Valdir da Rocha Lima, supervisor de logística da equipe pernambucana, o cancelamento do confronto deu-se devido a um surto de Chikungunya em vários jogadores do Alviverde, mas o treinador da equipe alagoana reforçou o problema em dois atletas e afirma que a decisão de não participar das partidas será por razão do curto período de trabalho. 
- Não cancelamos o amistoso por conta disso (atletas com sintomas de Chikungunya). Achamos que não era hora de um amistoso pois senti que ainda não é o momento. Iniciamos nossa preparação à Série D na segunda-feira, é pouco tempo - explica.
Na Série D, o Murici divide o Grupo A9 com Fluminense de Feira-BA, Sergipe e um representante da Paraíba ainda não definido. A estreia do Alviverde na competição será no Estádio José Gomes da Costa contra os paraibanos, no dia 12 de junho.
Nm com Globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário