Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

domingo, 8 de maio de 2016

CSA x CRB: técnicos seguram as escalações e podem blefar na decisão

Os treinadores prometem surpresas na decisão do Campeonato Alagoano. Fecharam os treinos e tentam despistar o adversário a todo custo. Na véspera da decisão do estadual, o CSA divulgou a relação para o clássico sem os volantes Panda e Jean Cléber. Pode ser blefe. O CRB também escondeu o jogo, mas a escalação não vai fugir muito do que Mazola Júnior trabalhou para o primeiro duelo da decisão. Neste domingo, a finalíssima começa às 16h, no Estádio Rei Pelé.
O Galo venceu na abertura do mata-mata por 2 a 0 e tem boa vantagem para administrar. Conquista o bicampeonato até perdendo por 1 a 0. Se o CSA devolver a derrota por 2 a 0, vai forçar a prorrogação. Em caso de empate no tempo extra, o título vai ser definido nos pênaltis. O Azulão conquista a taça no tempo normal se golear o rival por três ou mais gols de diferença.
Marcos Aurélio, meia-atacante do CRB (Foto: Jonathan Lins / G1)CRB venceu o primeiro jogo e tem vantagem na final do Alagoano (Foto: Jonathan Lins / G1)

Técnico do CSA, Oliveira Canindé trabalhou durante a semana com a possibilidade de Panda jogar na lateral esquerda, sendo o substituto de Rafinha (suspenso), e Jean Cléber no meio. Se ambos não atuarem, Bruno Santa Rosa e Escobar, respectivamente, devem ser substitutos. Bismarck também entraria na equipe para aumentar o poder de criação.
O CRB conta com o retorno do zagueiro Gabriel e do volante Matheus Galdezani, que cumpriram suspensão no último clássico, e do lateral-direito Marcos Martins, recuperado de lesão muscular. Dos três, Gabriel deve entrar no time e Marcos está bem cotado para ser titular. Galdezani briga por posição com Rivaldo, mas corre por fora.
O árbitro paraense Dewson Freitas (Fifa) vai comandar o clássico deste domingo, sendo auxiliado por Danilo Simon Manis (SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP), ambos aspirantes Fifa. A TV Gazeta mostra o jogo para todo o estado, e o GloboEsporte.com/AL acompanha todos os detalhes, em Tempo Real, com vídeos. 
HEADER escalacoes 690 (Foto: Infoesporte)


CSA: Canindé tem uma base formada desde o início do Alagoano e não foge dela. A perda de Rafinha, líder das assistências, força o treinador a fazer uma mudança brusca no time. Bruno, se entrar, tem menos ritmo que os demais. Jogou apenas duas vezes no Alagoano, contra o Santa Rita. No ataque, a dupla Luís Soares e Rafael Oliveira vai ter que estar com a pontaria calibrada para marcar os gols que a equipe tanto precisa. A provável formação tem: Jefferson; Choco, Douglas, Leandro e Panda (Bruno Santa Rosa); Jean Cléber (Escobar), Didira, João Paulo e Cleyton (Bismarck); Luís Soares e Rafael Oliveira.
CRB: Mazola deve montar um time com mais pegada no meio-campo. Tende, inclusive, a repetir a formação com três volantes - Olívio, Somália e Rivaldo. A principal dúvida fica na armação. Ele pode colocar Bocão no meio, fazendo a dobra pela direita com Marcos Martins, e também pode escalar o experiente Marcos Aurélio no setor. O ataque deve ser formado por Luidy e Lúcio Maranhão, que tem oito gols e luta pela artilharia do campeonato. O provável time regatiano tem: Juliano; Marcos Martins, Jussani, Gabriel e Diego; Olívio, Somália, Rivaldo e Marcos Aurélio (Bocão); Luidy e Lúcio Maranhão.
NM com Globoesporte.com/al

Nenhum comentário:

Postar um comentário