Image Map
Image Map
Image Map
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui
Texto da legenda da imagem aqui

terça-feira, 31 de maio de 2016

CRB vence o Vila Nova por 2x1 e assume a 5ª posição na Série B

O CRB voltou a fazer bonito jogando longe de seu torcedor. Na noite desta terça-feira (31), pela 5ª rodada do Brasileiro da Série B, o Galo enfrentou o Vila Nova, em Goiânia-GO, e surpreendeu o Tigre em pleno Serra Dourada. Com o mesmo time que iniciou a partida contra o Criciúma, em Maceió, o time comandado pelo auxiliar João Brigatti - Mazola Júnior cumpriu suspensão automática - cresceu com as alterações na segunda etapa e virou o placar com gols de Adalberto (zagueiro) e Rodolfo (atacante), que entrou no tempo final e marcou de cabeça aos 44 minutos.
Com o resultado, o Galo saltou para a quinta posição, com nove pontos, apenas um a menos que Brasil de Pelotas-RS e Criciúma, terceiro e quarto colocados, respectivamente. Portanto, o CRB vai tentar mais uma vitória fora de casa já na próxima rodada, sábado que vem, diante do Avaí, na Ressacada, para figurar na zona de classificação à Série A em 2017.
O Vila, por sua vez, sofreu a quarta derrota em cinco jogos até aqui, já voltando suas atenções para o compromisso da próxima sexta-feira, contra o Paraná, novamente no Serra Dourada. Ainda na zona de rebaixamento da competição, o Tigre é o penúltimo colocado, com apenas três pontos, somente dois a mais que o Sampaio Corrêa-MA. 
Goleiro Juliano ergue os braços para celebrar a vitória regatiana
FOTO: DOUGLAS MONTEIRO/ASCOM VILA NOVA


















CRB desajustado
O jogo começou pobre em emoção, com o Galo - que teve o retorno do volante Somália entre os relacionados - encontrando dificuldade na criação das jogadas. Tanto que o Vila só chegou com perigo à meta do goleiro Juliano aos 18 minutos, quando Robston chutou forte e viu a bola encobrir Juliano, mas acertar o travessão.
O Tigre cresceu e criou mais duas boas chances antes de abrir o marcador no Serra Dourada, aos 24 minutos. O volante Victor Bolt fez o desarme e lançou Fabinho pela esquerda, na falha da zaga regatiana. O meia-atacante tocou na saída do goleiro regatiano, sem chance para Juliano: 1x0.
Sem conseguir sair jogando, o Galo resistia à pressão e, no contragolpe, ainda criou mais duas oportunidades de ampliar a vantagem diante do torcedor colorado. Numa delas, aos 27, Roger aproveitou cruzamento, dominou na grande área, mas chutou prensado, vendo a bola passar por cima do gol de Juliano.
Preso à marcação, o CRB não conseguia avançar pelas laterais e, também por isso, pouco concluiu em gol. Acuado, ainda viu o Tigre chegar um minuto depois, quando Fabinho foi lançado em velocidade pela direita e chutou cruzado. A bola passou raspando o poste esquerdo de Juliano, após desvio.
Jogadores do CRB aguardam cruzamento na área do goleiro Juliano
FOTO: DOUGLAS MONTEIRO/ASCOM VILA NOVA


















Virada no final
Para o segundo tempo, o Galo voltou sem o atacante Luidy, que deu lugar a Roldofo, enquanto o meia Dakson saiu para a entrada de Bocão. O Galo cresceu, embora tenha custado a acertar o último passe. Mas a primeira chance real de gol foi do time visitante, aos 13 minutos, quando Magrão recebeu pela esquerda e chutou de primeira, com o goleiro Edson salvando o Vila.
Já aos 16, foi a vez de Elton Lira substituir o também lateral Marcos Martins, na última mudança do Galo no jogo. O Vila seguiu em cima, criando ao menos duas chances de ampliar a vantagem em Goiânia. Numa delas, aos 36 minutos, Jean Carlos dominou pela esquerda e deixou Dudu na cara do gol. Ele chutou forte e viu a bola explodir no travessão.
Como quem não faz, leva, o Galo chegou ao empate três minutos depois. Magrão recebeu pla direita e cruzou no segundo pau, na cabeça do zagueiro Adalberto, que testou no canto direito de Edson, assinalando um belo gol e deixando tudo igual no Serra Dourada: 1x1.
O Galo se animou com o gol e ainda acertou o poste direito do goleiro Edson em boa cobrança de falta do lateral Diego - no rebote, Rodolfo chutou para fora. E de tanto insistir, o time visitante acabou premiado já aos 44, quando Galdezani recebeu de Bocão e cruzou no primeiro pau, buscando Rodolfo. Livre de marcação, o atacante só teve o trabalho de tocar, de cabeça, no canto esquerdo do goleiro: 2x1.
Nos acréscimos, o Vila, já sem muita organização, ainda teve o volante Magno Silva, que havia entrado no segundo tempo, simular um pênalti e receber o segundo cartão amarelo do árbitro pernambucano Émerson Luiz Sobral.
Confira, abaixo, os gols do jogo:

Vila Nova 1x2 CRB
Galo conquista importante vitória pela Série B 2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário