Image Map
Image Map
Image Map

domingo, 17 de abril de 2016

Riascos decide, Vasco passa pelo Fluminense e leva a Taça Guanabara

O Vasco é campeão da Taça Guanabara. Único time invicto do Carioca, o Gigante da Colina derrotou o Fluminense por 1 a 0, gol marcado por Riascos. Com o resultado, o clube de São Januário terá a vantagem até a decisão do Carioca, caso consiga se classificar até ela. O Tricolor terminou na segunda colocação.
Após terminar em primeiro lugar na Taça Guanabara, o Vasco enfrenta o Flamengo na semifinal da competição. O Gigante da Colina tem a vantagem do empate na partida. O mesmo acontece com o Fluminense que encara o Botafogo, também com a vantagem de empatar para chegar na decisão.
Jogadores do Vasco comemoram com a torcida
Foto: Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br





























O JOGO
A partida começou muito quente em Manaus. Com apenas dez minutos, o Fluminense balançou as redes, teve o gol anulado e o Vasco chegou com perigo em duas oportunidades. Primeiro, o Tricolor. Com seis minutos, Marcos Junior cobrou escanteio e Renato Chaves colocou a bola no fundo das redes depois de se chocar com o goleiro Martín Silva. O árbitro da partida alegou falta no goleiro uruguaio para invalidar o lance. Logo depois o Vasco respondeu. Andrezinho cobrou falta, encobriu Cavalieri que evitou o gol com um toque com a mão direita, a bola ainda tocou na trave. No lance seguinte, Riascos recebeu cruzamente e cabeceou para boa defesa do arqueiro.


O primeiro tempo seguiu com o Vasco tendo mais posse de bola, mas com o Fluminense sendo bem perigoso nos contra-ataques. Nenhuma das equipes conseguiram criar outras boas chances antes do intervalo, mas o duelo seguiu bastante movimentado com os dois times buscando a vitória.
Riascos decidiu a partida para o time de São Januário
Foto: Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br





























O forte calor em Manaus fez as suas vítimas. Luan passou mal, chegando a vomitar no gramado. O defensor vascaíno tentou retornar para a partida, mas não conseguiu seguir em campo. Antes do fim do primeiro tempo, Rafael Vaz entrou no lugar do jovem para formar a nova dupla defensiva com Rodrigo.
O segundo tempo começou com o Vasco pressionando. O Gigante da Colina quase abriu o placar com menos de um minuto. Riascos recebeu dentro da área, fintou o Marlon, mas exagerou na falta de definição da jogada, o equatoriano acabou sendo desarmado por Edson.
Tentando mudar o panorama da partida, Levir Culpi sacou Fred e Marcos Junior, colocando Higor Leite e Magno Alves. Apesar disso, o Vasco chegou ao seu primeiro gol. Riascos recebeu e finalizou franquinho, mas a bola morreu na rede do gol de Diego Cavalieri.
Em desvantagem no placar, o Fluminense foi para cima e quase empatou com Wellington Silva. A partida ficou mais tensa, Edson e Marcelo Mattos se envolveram em uma confusão e acabaram sendo expulsos.
Os últimos minutos foram de muito pouca produção das duas equipes. Com os times bem desgastados pouco foi construido. O Fluminense ainda teve uma chance final com Osvaldo, mas o atacante chutou em cima de Martín Silva. Melhor para o Vasco, que vencia a partida, e terminou com o campeão da Taça Guanabara.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 0 X 1 VASCO

Estádio: Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)
Renda/público: R$ 2.214.040/28.191 pagantes
Cartões amarelos: Douglas, Fred e Renato Chaves, Edson (FLU) e Jorge Henrique, Marcelo Mattos (VAS)
Cartões vermelhos: Edson (26'/2ºT) e Marcelo Mattos (26'/2ºT)
GOL: Riascos 21'/2ºT (0-1)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Wellington Silva, Renato Chaves (Ygor Nogueira 29'/2ºT), Marlos Santos e Giovanni; Edson, Douglas e Gerson; Marcos Junior (Higor Leite 17'/2ºT), Osvaldo e Fred (Magno Alves 17'/2ºT). Técnico: Levir Culpi.

VASCO: Martin Silva, Madson, Luan (Rafael Vaz 33'/1ºT), Rodrigo (Diguinho 34'/2ºT) e Henrique; Marcelo Mattos, Julio dos Santos (Eder Luis 13'/2ºT), Andrezinho e Nenê; Jorge Henrique e Riascos. Técnico: Jorginho.

NM com Odia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARCEIROS NA MIRA

PARCEIROS NA MIRA