Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 16 de março de 2016

Em noite de Cleyton, CSA goleia o Santa Rita e mantém invencibilidade

Jogadores azulinos festejam gol do atacante Rafael Oliveira
FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS


























O CSA encerrou a sua participação na fase classificatória do Campeonato Alagoano 2016 como começou: goleando por 3x0. Na estreia, pegou o Penedense, no Estádio Gerson Amaral. Agora, o adversário da vez foi o Santa Rita, em jogo disputado no Estádio Rei Pelé, e com direito à muita chuva, com o placar sendo construído no 2º tempo. 
Com dois gols, o artilheiro da partida foi o meia Cleyton. Fechou o placar o atacante Rafael Oliveira, outro que começou de primeira depois de o técnico Oliveira Canindé resolver poupar os considerados titulares, pois, o Azulão - invicto em 10 partidas até aqui - entrou em campo apenas para cumprir tabela.

- Confira a cobertura da partida em Tempo Real!

Agora, será a vez do hexagonal do Alagoano. O CSA vai enfrentar o Murici, domingo, no Trapichão. Na mesma data, o Santa Rita, também classificado por antecipação, vai à cidade de Arapiraca para enfrentar o ASA.

O jogo

Atacante Kahuan também foi titular na noite desta quarta
FOTO: AILTON CRUZ/GA
A proposta do Santa Rita foi se fechar e jogar por uma bola. No primeiro tempo, a estratégia deu certo, pois, o time da cidade de Boca da Mata conseguiu segurar o CSA, que foi a campo com apenas dois titulares: goleiro Jeferson e zagueiro Douglas.

Assim, na primeira etapa, o torcedor azulino viu apenas dois lances de perigo. O primeiro foi proporcionado pelo Leão da Mata, aos 23 minutos. Em cobrança de falta, o armador Daniel Alves mirou o ângulo esquerdo, mas o goleiro Jeferson evitou que a bola entrasse. Já no segundo, construído no último minuto do primeiro tempo, o atacante Kauhan finalizou entre as pernas do zagueiro Ewerton, obrigando o arqueiro João Paulo a fazer arrojada defesa.

O CSA voltou duplamente modificado para o 2º tempo, com as alterações surtindo efeito, pois, o meia-atacante Bismarck entrou bem. E foi dos seus pés que o Azulão abriu o caminho da vitória. No primeiro lance, aos 15 minutos, o jogador viu a penetração do meia Cleyton e deu passe para conclusão que ainda acertou o poste direito antes de entrar: 1x0.

No segundo lance, três minutos após, Bismarck, em cobrança de falta, tocou de lado para Cleyton mais uma vez estufar a rede do Santa Rita, chutando rasteiro, de primeira, sem chance para o goleiro: 2x0.

Momento do segundo gol do CSA, assinalado pelo meia Cleyton
FOTO: AILTON CRUZ/GA



Mesmo virtualmente derrotado, o Santa Rita andou rondou a área do CSA, criando ao menos duas boas oportunidades para marcar. A primeira foi aos 36 minutos, quando o meia Edjailson centrou para a área azulina, mas nem Acácio, nem Damião, conseguiram colocar a cabeça na bola. Já a segunda oportunidade veio aos 39 minutos, numa dupla defesa de Jeferson, em conclusões de Gilmar e de Camutanga.

E o CSA definiu o resultado nos acréscimos, aos 46 minutos. Bismarck puxou contra-ataque e deu passe para Cleyton, que cruzou para o atacante Rafael Oliveira concluir de cabeça, dando números finais à partida: 3x0. 

NM com Gazetaweb.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário