Image Map
Image Map
Image Map

quarta-feira, 23 de março de 2016

CPI encontra indícios de caixa dois em campanha de vice-presidente da CBF

Depois de ouvir o presidente em exercício da CBF, Antônio Carlos Nunes de Lima, a CPI do Futebol continuou os trabalhos nesta terça-feira. Durante a reunião, os senadores mostraram indícios de que a CBF pode ter usado dinheiro de caixa dois na campanha de Gustavo Dantas Feijó, prefeito de Boca da Mata, no estado de Alagoas. 
Feijó também acumula o cargo de vice-presidente da CBF para a Região Nordeste e foi chefe da delegação brasileira durante a Copa das Confederações, em 2013. Procurada, a CBF se manifestou por meio de nota e "nega veementemente que tenha realizado a referida doação de campanha ou que mantenha recursos não contabilizados de qualquer natureza."
Em um dos momentos da reunião, o senador Randolfe Rodrigues (PSOL/AP) citou uma troca de e-mails entre Feijó e Marco Polo Del Nero, então vice da CBF (confira todos os e-mails logo mais abaixo). Numa mensagem, Feijó cobra de Del Nero ajuda financeira para a campanha. Na resposta, Del Nero diz que os pagamentos serão feitos.
De acordo com esse documento, o orçamento da campanha de Feijó seria de um R$ 2.013.900,00. Mas ele declarou à Justiça Eleitoral receitas totais de R$ 130 mil. Nem a CBF, nem a federação alagoana de futebol aparecem como doadores da campanha, segundo o TSE. Ele acabaria eleito prefeito de Boca da Mata naquele ano. Diante dos documentos, o senador Randolfe Rodrigues colocou o prefeito do município alagoano no radar da comissão. 
Marco Polo Del Nero e Gustavo Feijó (Foto: Leonardo Freire/GloboEsporte.com)Marco Polo Del Nero (esq) e Gustavo Feijó (dir): suposto repasse da CBF a vice da região Nordeste para campanha a prefeito de Feijó (Foto: Leonardo Freire/GloboEsporte.com)


– As informações, os primeiros documentos que começam a ser folheados aqui mostram que têm elementos gravíssimos para o aprofundamento de investigações. Eu queria sugerir a vossa excelência, quero logo antecipar aqui, pelo que aqui já vejo, eu acho urgente e necessário, por exemplo, convocar o Sr. Gustavo Dantas Feijó, que hoje é prefeito do Município de Boca da Mata, em Alagoas, para prestar explicações – declarou. 
Além disso, os parlamentares  citaram transações financeiras envolvendo o COL e uma conta nas Ilhas Canárias e outra em um banco nos Estados Unidos. De acordo com o senador Randolfe Rodrigues, a CPI foi informada de que o COL só tinha contas no Brasil. Mas nos dados fornecidos pelo Banco Central, o COL transferiu U$$ 23,75 milhões para uma conta do próprio comitê nos Estados Unidos em 2013. E outros R$ 51.101 para uma conta própria nas Ilhas Canárias, em 2014.
Após o encerramento da sessão, Randolfe garantiu que irá apresentar mais requerimentos à comissão com base nos documentos obtidos até o momento pelos parlamentares. O senador citou dados levantados que indicam que o presidente licenciado da CBF, Marco Polo Del Nero, possui contas no exterior, o que foi veementemente negado por ele em seu depoimento à comissão, em dezembro do ano passado.
Randolfe Rodrigues, senador (PSOL-AP) (Foto: Geraldo Magela/Agência )Senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) solicitou a convocação de Feijó para a CPI do Futebol (Foto: Geraldo Magela/Agência )
– Os documentos aqui são muito fortes. Mostram, primeiro, que o senhor Marco Polo Del Nero mentiu (quando negou, em dezembro, que tivesse contas no exterior), e isso é falsidade testemunhal. E mostra o que eu considero uma das mais graves revelações, que é o depósito para o senhor Gustavo Dantas Feijó, candidato a prefeito de Boca da Mata. Temos, pelo menos, aqui, um e-mail que foi interceptado entre o senhor Marco Polo Del Nero e o senhor Gustavo Dantas Feijó que indica, sugere, que a CBF fez caixa dois para uma campanha – relatou.
O GloboEsporte.com entrou em contato com Gustavo Dantas Feijó, que não foi encontrado. Por telefone, seu assessor informou que o prefeito de Boca da Mata e vice-presidente da CBF estava em reunião com a secretária de saúde do município e que não havia informações sobre o teor das denúncias feitas durante a reunião da CPI.

De posse de uma síntese dos documentos que já foram levantados até o momento pela investigação, os senadores traçaram um plano para a próxima reunião da comissão. Ficou decidido que os parlamentares se encontrarão na próxima terça-feira, dia 29, quando analisarão os documentos e, eventualmente, criarão novos requerimentos referentes, por exemplo, à convocação de pessoas e quebras de sigilos. 
CONFIRA TODA A TROCA DE EMAILS ENTRE FEIJÓ E DEL NERO

Troca de emails entre Gustavo Feijó e Marco Polo Del Nero (Foto: Reprodução/CPI do Futebol)Troca de emails entre Gustavo Feijó e Marco Polo Del Nero (Foto: Reprodução/CPI do Futebol)NM com Globoesporte.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário